Tipos de cerveja: aprendendo sobre o mundo das cervejas

Canecas de cervejas brindando.

A cerveja é uma das bebidas alcoólicas mais consumidas no mundo. Com o tempo, variados tipos de cerveja começaram a surgir para agradar diferentes públicos, com sabores diferenciados e novas maneiras de produção, sua popularidade só aumentou.

Atualmente o mercado oferece diversos tipos de cerveja, que se classificam em famílias, estilos e características específicas, e conhecer um pouco sobre essa bebida permite que você escolha a que mais combina com seu gosto pessoal.

História da cerveja

Cerveja sendo servida em copo de vidro.
Cerveja, uma bebida que existe há mais de 10 mil anos e é uma das mais consumidas no mundo. Fonte: Unsplash

Não se sabe exatamente quando começaram a ser produzidas as cervejas, mas, assim como outras bebidas, entende-se que quando o cultivo dos cereais necessários para sua produção foi dominado, é muito provável que sua fabricação surgiu.

Portanto, acredita-se que as primeiras cervejas surgiram durante o período neolítico, no qual os cereais eram cultivados, assim a história da humanidade se relaciona com o consumo de cerveja a mais de 10 mil anos.

Mas a primeira comprovação sobre a produção da bebida durante a história aparece no Antigo Egito, em que a cerveja era consumida por adultos e crianças e também utilizada pelos egípcios como oferendas em rituais religiosos.

Fazendo parte da nossa história há anos, a cerveja se tornou muito consumida em diversos países. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), em 2018 o consumo no mundo da bebida representava 34,3% de todas as bebidas alcoólicas; já no Brasil, esse número era muito maior, em torno de 61,8%.

Assim esse mercado evoluiu, criando diversos tipos de cerveja, novas maneiras de produção e diferentes sabores, tudo para atender e agradar o número de consumidores que aumenta a cada ano.

Processo de produção da cerveja 

Máquina de chopp servindo a bebida.
Todos os tipos de cerveja possuem quatro ingredientes básicos: malte, água, lúpulo e levedura. Fonte: Unsplash

Todas cervejas são produzidas a partir de quatro ingredientes básicos: malte, água, lúpulo e levedura. Para começar o processo de produção da cerveja, é preciso moer os grãos que serão utilizados, entre os grãos mais comuns estão: cevada, trigo e centeio. 

Após esse processo, coloca-se o malte em água quente, assim as enzimas naturais são ativadas e o amido se transforma em açúcar. Depois, inicia-se o processo de cozimento, que pode durar até duas horas, dependendo dos variados tipos de cerveja que podem estar sendo produzidos. 

Na etapa de cozimento, também é adicionado o lúpulo e ingredientes extras que possam fazer parte da cerveja, essa mistura deve ser resfriada e filtrada. Logo em seguida, são adicionadas as leveduras, fungos responsáveis pela fermentação ao transformar o açúcar em álcool, além disso dão as características principais à bebida.

O último processo é a maturação, no qual a bebida desenvolve o aroma e a textura, os variados tipos de cerveja permitem que algumas delas fiquem guardadas por meses antes de serem consumidas.

Tipos de cerveja

Os variados tipos de cerveja variando em fermentação, família e estilos.
Cervejas divididas em diferentes tipos de fermentação, famílias e estilos. Fonte: Live

Os tipos de cerveja são classificados por famílias, em que cada uma delas possui um tipo de levedura utilizada no processo de fabricação, dando à bebida suas principais características, como cor, sabor, teor alcoólico, textura, entre outras.

As famílias podem ser Lager, Ales e Lambic e dentro de cada uma delas podemos identificar estilos, formados pelos elementos presentes na produção, e dentro de cada um deles um subestilo, assim cada um dos tipos de cerveja contará com traços específicos.

Família Lager

A primeira família entre as cervejas é a Lager, a mais popular dos tipos de cerveja no Brasil, por terem um teor alcoólico mais leve e serem mais espumantes, caíram no gosto popular pelo território nacional. 

Conhecida como cerveja de baixa fermentação, são diferenciadas exatamente por esse processo ⏤ as leveduras utilizadas para fermentação gostam de baixas temperaturas e ficam ao fundo do tanque, dando origem ao nome popular.

O processo de fermentação ocorre com temperaturas entre 6 ºC a 12 ºC e dá origem a uma cerveja de coloração dourada e filtrada.

Estilos de cerveja Lager

Light Lager ou Pale Lager
Garrafa de American Lager.

Os tipos de cerveja Light Lager ou Pale Lager possuem coloração clara e leve sabor amargo, acentuado pelo lúpulo, são pouco encorpadas, sendo bem leves.

Dentre as cervejas Light Lager ou Pale Lager, temos:

  • American Lager;
  • Dortmunder Export;
  • Dry Beer/Japanese Rice Lager;
  • Helles;
  • Pilsner/Pilsen;
  • Premium Lager.
Dark Lager
Tipo de cerveja Munich Dunkel.

As cervejas Dark Lager são de coloração mais escura, possuem sabor refrescante e notas adocicadas como chocolate, café e caramelo.

As cervejas Dark Lager podem ser:

  • American Dark Lager;
  • Malzbier;
  • Munich Dunkel;
  • Schwarzbier.
Bock
Garrafa de Doppelbock.

Os tipos de cerveja Bock possuem coloração mais escura, com sabor tostado e notas de caramelo, são ótimas opções para serem consumidas durante o inverno.

As cervejas Bock são divididas em:

  • Doppelbock;
  • Helles Bock;
  • Traditional Bock.

Família Ale

A segunda família é a Ale. Diferentemente da anterior, a levedura utilizada no processo de fermentação gosta de ficar no topo do líquido e necessita de temperaturas um pouco mais altas, entre 15 ºC e 24 ºC, para garantir uma boa produção, assim são conhecidas popularmente como cerveja de alta fermentação.

Eram os tipos de cerveja mais consumidos antes da existência da família Lager, mas continuam sendo uma das mais marcantes entre as cervejas, já que o processo de fermentação dá características específicas à bebida.

Assim as cervejas dessa família são mais encorpadas e densas, com lúpulo acentuado, os sabores variam entre notas mais doces até amargas e sua cor pode variar entre as mais claras até as escuras.

Estilos de cerveja Ale

Pale Ale 
Tipo de cerveja Pale Ale.

As cervejas Pale Ale possuem colorações mais claras que variam do dourado ao cobre, com sabor suave e amendoado, tem variados gostos e sabores.

As cervejas Pale Ale podem ser:

  • American Pale Ale;
  • American Amber Ale;
  • American Strong Ale;
  • English Pale Ale.
Altbier 

Os tipos de cerveja Altbier são consideradas mais velhas, já que possuem um tempo de maturação maior, possuem cor cobre escura e aroma de pão tostado.

De trigo
Garrafa de Weissbier.

Produzidas a partir dos grãos de trigo, são bebidas refrescantes e pouco amargas, podem ter aroma das mais diversas especiarias e sabores diferenciados, como banana, chocolate e cravo.

Dentre as cervejas de trigo temos:

  • Berliner weisse;
  • Dunkelweizen;
  • Hefeweizen;
  • Weizenbier ou Weissbier;
  • Weizenbock;
  • Witbier.
Porter
Tipo de cerveja Baltic Porter.

Os tipos de cerveja Porter possuem uma cor mais escura, baixo teor alcoólico e sabor suave com notas de café, chocolate e caramelo, uma opção para quem gosta de sabores adocicados. 

As cervejas Porter são divididas em:

  • Baltic Porter;
  • Brown Porter;
  • Imperial Porter;
  • Robust Porter;
  • Smoke Porter.
Stout
Lata de Dry Stout.

Com alto teor alcoólico, as cervejas Stout possuem coloração mais escura e sabor bem adocicado, com notas de café, chocolate ou malte torrado. Uma representante muito famosa dessa categoria, que, muitas vezes, é confundida com as Stout, é a Guinness, reconhecida marca irlandesa no mundo das cervejas.

As cervejas Stout podem ser:

  • American Stout;
  • Dry Stout;
  • Oatmeal Stout;
  • Russian Imperial Stout;
  • Sweet Stout.

Família Lambic

E a última família das cervejas é a Lambic. De origem belga, é uma das menos populares e conhecidas, mas se caracteriza pelo sabor próprio, com forte amargo, grande acidez e cor clara.

Essas características aparecem através do processo de fermentação espontânea, feito a partir de leveduras selvagens, o tanque fique aberto durante o processo e as bactérias presentes no ar fazem a fermentação. Mesmo não sendo a mais famosa, é um dos tipos de cerveja mais antigos.

Estilos de cerveja Lambic

Gueuze
Tipo de cerveja Gueuze.

Com um processo de fabricação diferenciado, a Gueuze é produzida a partir de uma cerveja Lambic velha que é fermentada por uma segunda vez, dando origem a um sabor menos ácido, é leve e adocicada.

Faro

Os tipos de cerveja Faro são leves e saborosos. Com cor âmbar, possuem menor acidez já que se adiciona ingredientes adocicados na produção, como açúcar mascavo e melaço de cana.

Fruit Lambic
Garrafa de Fruit Lambic.

A Fruit Lambic é uma cerveja que em seu processo de produção frutas são adicionadas na bebida logo após iniciar o processo de fermentação. Possuem baixo teor alcoólico, mais acidez e um processo de maturação longo, de até três anos. O sabor pode ser variado devido aos diversos tipos de frutos que podem ser utilizados na produção.

Straight Lambics

Nessa família, a Straight Lambics se destaca sendo a cerveja mais seca entre elas. Com sabor forte e muito ácida, a cerveja é muito pura, não chega a ser engarrafada, assim é servida logo após a maturação.


Agora só falta escolher a sua

Brinde com garrafas de cerveja e ao fundo paisagem com pôr do sol.
Um brinde com cervejas, basta escolher a sua favorita e começar a degustar. Fonte: Unsplash

Se você gosta de massas, escolha as cervejas Dark Lager e Strong Ale; se você prefere um bom churrasco, opte por cervejas como a Pilsner, Stout ou Brown Ale; mas se você é amante de sobremesas, escolha os tipos de cerveja Stout, Porter e Fruit Lambic e aproveite o seu doce.

Agora, se você não consome carnes ou derivados de animais em sua dieta, você também pode degustar uma boa cerveja, basta fazer um churrasco vegano ou vegetariano e o harmonizar com a cerveja Pilsner Urquell, uma das opções sem derivados de animais do mercado.

Mas lembre-se, apesar de algumas combinações harmonizarem melhor, não existem regras! Experimente os variados tipos de cerveja com seus alimentos favoritos ou procure combinações que agradem seu paladar.

Gostou de conhecer os tipos de cervejas? Que tal começar a experimentar? Para descobrir como degustar a sua bebida favorita no copo correto, confira o nosso conteúdo de copos para cerveja e escolha os melhores modelos.

Mais em Live

Ebook Busca e Aquisição de Imóvel: A Jornada

Quer comprar um imóvel e não sabe por onde começar? Separamos um conteúdo especial para te ajudar nessa jornada!

Quero baixar
pedras para jardim
Decoração
Pedras para jardim: conheça os tipos e saiba como utilizar

O jardim é um lugar da casa que pode dar espaço a diversas atividades ⏤ relaxamento, cafés da manhã tranquilos, brincadeiras, reuniões de família e amigos, horta e por aí […]

Arquitetura
Espelho d'água: o que é, como utilizar e espaços para inspirar

A casa é o nosso refúgio, sendo essencial, portanto, que ela tenha uma atmosfera tranquila e prazerosa. Para alcançar isso, existem diversos recursos arquitetônicos e decorativos, e o espelho d’água […]

Mercado Imobiliário
Portaria virtual: o que é e como funciona este sistema de segurança

Você já imaginou chegar em casa com segurança, ter o portão aberto e alguém acompanhando você até a entrada no apartamento, sem ter ninguém fisicamente presente no local? Pode até […]

riserva golf
Mercado Imobiliário
Riserva Golf: viver com exclusividade no Rio

Um Rio de Janeiro diferente, com uma sucessão de vistas inimagináveis. Tranquilo, calmo, com o som do mar e a brisa da praia ao fundo. O Riserva Golf é viver […]

sorvete caseiro
Dentro de Casa
Como fazer sorvete caseiro: receitas e dicas

Sorvete é aquela sobremesa que agrada quase todos, afinal existem muitos sabores e tipos de sorvete. Se você sempre acaba comprando sorvete pronto no mercado, porque fazer sorvete caseiro ainda […]

receitas de drinks
Dentro de Casa
Tudo sobre drinks: receitas de drinks clássicos, combinações e dicas

Drinks divertem qualquer comemoração ou encontro. Neste post, ensinaremos diversas receitas de drinks, de clássicos a inovadores, coloridos, com e sem álcool, para agradar a todos!  Coloque uma música dançante […]