Consórcio de imóveis: sem entrada, sem juros e sem parcelas intermediárias

O consórcio de imóveis tem se tornando uma boa alternativa para quem deseja adquirir um imóvel, novo ou usado, ou deseja reformar/ampliar construções em imóvel próprio.

Também tem sido muito utilizado por pessoas que já possuem um imóvel não quitado e desejam se livrar da dívida do financiamento bancário por conta de seus altos juros.

Consórcio de imóveis
Conheça os benefícios e as implicações dessa modalidade de compra e investimento.

Uma das principais vantagens na compra de uma cota de consórcio contemplado é que você não fica refém das altas taxas de juros e prazos praticados pelos financiamentos existentes e pode pesquisar no mercado o imóvel que deseja comprar, pagando um valor de prestação mais baixo, principal natureza do consórcio.

Como funciona o consórcio de imóveis?

Quando você compra uma cota de consórcio passa a fazer parte de um grupo de consorciados cuja finalidade é realizar uma “poupança” destinada à compra de imóveis através de autofinanciamento.

Todos os integrantes do grupo efetuam o pagamento de mensalidades, calculadas de acordo com o crédito contratado, mais a taxa de administração e o fundo de reserva. É importante salientar que no consórcio não existe a cobrança de juros como no financiamento bancário.

Todos os meses são realizados sorteios e ofertas de lances pelos consorciados, com o objetivo de alcançar a contemplação e tomar posse da tão sonhada carta de crédito.

Muitos consórcios permitem utilizar o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) para realizar lances ou, se for necessário, complementar o valor da carta de crédito contemplada na hora da compra do imóvel ou ainda quitar as parcelas que estão por vir.

Há a possibilidade de utilizar a sua carta de crédito contemplada para a quitação total de um financiamento imobiliário já existente, podendo assim economizar um bom valor. Tudo de acordo com as regras definidas pela CEF.

Mais uma vantagem do consórcio é que à medida que os consorciados vão sendo contemplados, o número de participantes do grupo vai diminuindo, logo as chances de ser contemplado no sorteio mensal vão aumentando.

No momento da contratação do plano, a administradora indica a melhor opção de grupo para o cliente, de acordo com o seu objetivo.

O consórcio é uma opção para quem não tem pressa em se mudar e pensa no futuro. Mas se você tem pressa, sem dúvida a compra de uma carta de crédito já contemplada é a solução, já que você pode adquirir o imóvel de imediato sem ser preciso esperar ser contemplado por lance ou sorteio e não é necessário dispor do valor total do imóvel para seu pagamento à vista.

Ao contrário do consórcio comum, no qual você entra em um grupo, vai pagando as mensalidades, participa dos sorteios e pode ofertar lances na tentativa de ser contemplado, comprando uma cota de consórcio já contemplada você tem o crédito no ato.

Você paga um valor de entrada, que varia de acordo com o que já foi pago por aquela cota de consórcio e o restante do crédito é parcelado. A carta de crédito propicia ao consorciado obter o bem à vista, assim, torna-se possível negociar com o vendedor do apartamento um melhor preço e desconto.

Liberação do crédito da cota contemplada

A liberação do crédito da cota contemplada ocorre quando o consorciado, contemplado por lance ou sorteio, tem o direito de receber o crédito antes de terminar de pagar o consórcio e que será pago diretamente à pessoa ou à empresa que está vendendo o imóvel.

A carta de crédito pode ser utilizada na compra de qualquer tipo de imóvel, reforma de imóvel próprio em nome do consorciado, ou para a construção de imóvel em terreno de sua propriedade.

Solução para quem tem pressa: Com um valor de entrada é possível comprar uma cota já contemplada e obter o crédito imediatamente

Como foi dito anteriormente, também é possível quitar um financiamento bancário em nome do consorciado. Para tanto, é necessário enviar a administradora do consórcio toda a documentação necessária para a análise e cumprir com as garantias para que o crédito seja liberado.

Cuidados a serem tomados antes da compra de uma cota de consórcio ou carta de crédito contemplada

São frequentes os golpes na compra e venda de cartas contempladas, o que pede o máximo de atenção e pesquisa antes da transação. Marcio Moreira, morador de Monte Mor, São Paulo, passava por dificuldades financeiras quando divulgou a venda de sua cota na internet:

“Apareceram vários pretendentes com propostas até tentadoras”, conta Marcio, que após consultas de CNPJs e no Reclame Aqui, acabou optando pela ConsórcioCRED, empresa especializada localizada no centro de São Paulo.

Antes de realizar a compra de uma cota de consórcio ou carta de crédito contemplada, é importante verificar se a administradora do consórcio está registrada no site do Banco Central e está apta a operar no país.

Leia com atenção o Contrato de Adesão, onde estão estipuladas todas as regras que regem o negócio contratado, como por exemplo: a quantidade de parcelas a serem pagas, o número de sorteios mensais, lances, valor do crédito, prazo para pagamento, contemplação, etc.

Esclareça todas as suas dúvidas em relação aos direitos e obrigações que você irá assumir antes de assinar o contrato.

Confira todos os documentos entregues pela administradora juntamente com o contrato para que a transação seja legal e formalizada. Só assine a transferência do contrato na sede ou na filial da administradora do consórcio, já que esse processo depende exclusivamente de sua aprovação.

O consórcio contemplado não é comercializado por uma administradora de consórcio, é necessário adquiri-lo diretamente do vendedor.

Por isso, é fundamental que os consumidores tomem cuidado para não cair em golpes. É imprescindível averiguar junto à administradora do consórcio se a cota que está sendo vendida realmente existe e se seus pagamentos estão em dia, e no caso de cotas já contempladas, se realmente estão nesta condição.

Não faça nenhum pagamento até ter certeza disso a fim de que a compra e transferência da cota possa ser realizada com segurança.

Com a carta de crédito em mãos, o novo consorciado deve oferecer as garantias exigidas pela administradora, dando provas de que irá continuar pagando as parcelas. O consorciado deve escolher o bem de acordo com o valor da cota que comprou, e informar à administradora os dados do vendedor e do bem que deseja adquirir.

Após esta informação, a administradora do consórcio avaliará a negociação e após isso, aprovará a liberação do crédito para a compra. Para tanto, é necessária a apresentação de alguns documentos pessoais e do imóvel, bem como a avaliação formal do bem, a carta de crédito e o contrato do consórcio.

Com toda essa documentação preparada e o pagamento de algumas taxas cobradas pelo cartório (dependem do valor do imóvel), o registro é efetivado.

O imóvel adquirido no consórcio ou através de uma carta de crédito contemplada fica hipotecado ou alienado fiduciariamente à administradora.

No caso da hipoteca, o imóvel já fica no nome do comprador, que não poderá vendê-lo até que a dívida esteja quitada. Na alienação fiduciária, o imóvel fica em nome da administradora, que fará a transferência do imóvel ao comprador quando a dívida for paga em sua totalidade.

Caso o consorciado possua outro imóvel em seu nome, poderá oferecer a troca de garantia desde que a administradora o autorize. No término do consórcio, mesmo os que não conseguiram ser contemplados nos sorteios ou lances receberão o bem.

Economia e planejamento têm sido cada vez mais presentes na rotina diária das pessoas e a flexibilidade do sistema de consórcio se torna uma grande aliada na compra do imóvel.

A compra de um consórcio ou carta de crédito contemplada passou a fazer parte do orçamento de muitas famílias brasileiras e está na lista das compras programadas e investimentos. Sem juros, sem entrada, sem parcelas intermediárias, taxas menores e menos burocracia na hora da compra de um imóvel.

Existem dezenas de opções de créditos e mensalidades que cabem em qualquer tamanho de bolso. As parcelas são reajustadas pelo INCC, o que faz com que o valor da carta de crédito mantenha o seu poder de compra durante todo o plano.

Gostou do conteúdo? Quer conhecer um pouco mais sobre o consórcio? Então confira a matéria Consórcio ou financiamento: qual é a melhor opção para você?

Mais em Live

Ebook Busca e Aquisição de Imóvel: A Jornada

Quer comprar um imóvel e não sabe por onde começar? Separamos um conteúdo especial para te ajudar nessa jornada!

Quero baixar
pedras para jardim
Decoração
Pedras para jardim: conheça os tipos e saiba como utilizar

O jardim é um lugar da casa que pode dar espaço a diversas atividades ⏤ relaxamento, cafés da manhã tranquilos, brincadeiras, reuniões de família e amigos, horta e por aí […]

Arquitetura
Espelho d'água: o que é, como utilizar e espaços para inspirar

A casa é o nosso refúgio, sendo essencial, portanto, que ela tenha uma atmosfera tranquila e prazerosa. Para alcançar isso, existem diversos recursos arquitetônicos e decorativos, e o espelho d’água […]

Mercado Imobiliário
Portaria virtual: o que é e como funciona este sistema de segurança

Você já imaginou chegar em casa com segurança, ter o portão aberto e alguém acompanhando você até a entrada no apartamento, sem ter ninguém fisicamente presente no local? Pode até […]

riserva golf
Mercado Imobiliário
Riserva Golf: viver com exclusividade no Rio

Um Rio de Janeiro diferente, com uma sucessão de vistas inimagináveis. Tranquilo, calmo, com o som do mar e a brisa da praia ao fundo. O Riserva Golf é viver […]

sorvete caseiro
Dentro de Casa
Como fazer sorvete caseiro: receitas e dicas

Sorvete é aquela sobremesa que agrada quase todos, afinal existem muitos sabores e tipos de sorvete. Se você sempre acaba comprando sorvete pronto no mercado, porque fazer sorvete caseiro ainda […]

receitas de drinks
Dentro de Casa
Tudo sobre drinks: receitas de drinks clássicos, combinações e dicas

Drinks divertem qualquer comemoração ou encontro. Neste post, ensinaremos diversas receitas de drinks, de clássicos a inovadores, coloridos, com e sem álcool, para agradar a todos!  Coloque uma música dançante […]