Pay per use: como funciona o serviço em condomínios residenciais

A vida cotidiana já exige bastante esforço, por isso, resolver questões rotineiras do modo mais prático e rápido possível é essencial para um dia a dia mais leve e com tudo sob controle. O serviço pay per use é um belo exemplo que vem sendo aplicado em condomínios residenciais para fazer a vida mais simples. 

Quando os temas em questão são pessoais, podemos recorrer a diferentes estratégias, desde ter comida congelada, apps para lista de tarefas ou fazer compras básicas on-line, por exemplo. 

Mas quando o tema é casa, a ajuda de profissionais às vezes é imprescindível, e poder contar com isso no próprio condomínio, sem precisar se preocupar com segurança e qualidade, é um privilégio real, que tem como objetivo principal proporcionar aos moradores maior facilidade e comodidade na prestação de serviços cotidianos. 

O que é pay per use?

Para começar a explicar o que é pay per use, o melhor é ir à tradução, pois esta é uma expressão em inglês, que significa “pague pelo uso”. 

Isso significa que, neste sistema, o consumidor paga somente por aquilo que utiliza, e não por mês ou semana, por exemplo.

Este é um serviço utilizado em diversos lugares, como hotéis, coworkings, flats e atualmente também em condomínios residenciais.

Como funciona o sistema pay per use em condomínios residenciais?

O sistema de pay per use nos condomínios disponibiliza aos moradores serviços cotidianos variados, que podem ir desde limpeza, organização e lavagem de carro, por exemplo, até cuidados infantis, personal trainer e pet care.

Esses serviços estão disponíveis diariamente aos moradores, porém, não estão incluídos no valor do condomínio, são cobrados aos clientes apenas quando utilizados.

Serviço pay per use de lavanderia.
Serviço de lavanderia. Fonte: Mutiherm

Este sistema vem sendo uma tendência em diferentes tipos de condomínios, desde condomínios-clube de alto padrão, nos quais famílias com crianças são o principal público, até mesmo edifícios residenciais com apartamentos compactos, em que os moradores são jovens. Afinal, há uma busca generalizada por um dia a dia mais cômodo e eficiente. 

Como um condomínio pode aderir ao sistema pay per use?

Assim como segurança, zeladoria e limpeza do condomínio, o sistema de serviços pay per use é feito através da contratação de uma empresa especializada, que será responsável pela prestação dos serviços. 

Tal contratação pode vir desde uma iniciativa do síndico, como resposta ao pedido dos condôminos ou para maior comodidade destes, como também pode ser sugerido pela administradora do condomínio.

Serviço pay per use de gastronomia.
Serviço pay per use de gastronomia. Fonte: TIL Magazine

O serviço de pay per use nos condomínios residenciais, portanto, não é algo que está, necessariamente, presente desde o projeto e que só é possível em edifícios novos. 

Mas é importante ter em consideração que certos serviços precisam de espaços específicos, seja para sua própria realização, como para armazenar materiais e também para os profissionais. 

Quais são os serviços pay per use nos condomínios residenciais?

Os serviços dentro do sistema pay per use nos condomínios residenciais podem variar bastante, de acordo com o perfil dos moradores e da capacidade do edifício, por exemplo.

Mas existem alguns serviços que vem sendo muito utilizados através deste sistema, tais como:

  • Limpeza dos apartamentos;
  • Lavanderia, tanto de roupas de cama quanto de roupas pessoais;
  • Manutenção e pequenos reparos;
  • Serviços elétricos;
  • Lavagem de carros;
  • Técnico em informática;
  • Cuidados infantis;
  • Recreação infantil na brinquedoteca;
  • Pet care;
  • Pet sitter;
  • Personal trainer;
  • Gastronomia;
  • Mercado.

Vantagens de morar em um condomínio com sistema pay per use 

Morar em um condomínio com sistema de serviços pay per use pode realmente mudar o dia a dia, tanto de alguém que mora sozinho como também de uma família, pois oferece uma variedade de serviços na porta de casa, literalmente, para quando for preciso, com a segurança e a qualidade que a empresa contratada garantir.

Fique por dentro das vantagens: 

Praticidade

Todos já passamos por aquele dia que a veneziana quebra, a geladeira para de funcionar ou o gás começa a vazar, e fomos prejudicados durante um ou mais dias em função de resolver um problema doméstico urgente.

Em um condomínio com sistema de serviços pay per use, esse drama pode ser minimizado, afinal você não terá que pesquisar profissionais, pedir indicações, solicitar orçamentos e ficar à espera, por exemplo.

Nesse caso, é só entrar em contato diretamente com o profissional referente ao serviço, ou com a empresa contratada, o que, muitas vezes, é feito através de aplicativos, o que facilita ainda mais.

Assim, as questões domésticas poderão ser resolvidas com muito mais praticidade, simplicidade e eficiência, deixando você livre para viver seus dias.  

Economia 

Os serviços de pay per use, ao não estarem atrelados ao valor do condomínio, possibilitam um menor valor, já que pagarão pelos serviços apenas os moradores que os utilizarem.

Além disso, as empresas de serviços pay per use alcançam valores bastante competitivos para os serviços prestados, com a vantagem da garantia de qualidade. 

No sistema pay per use, paga-se somente o valor do serviço, anulando a preocupação com compra de materiais e transporte, por exemplo. 

Segurança aliada à qualidade

Solicitar um serviço doméstico convencional pela primeira vez é sinônimo de insegurança e dúvida da qualidade do trabalho.

Quando realizado através de um sistema pay per use, isso é praticamente inexistente, pois o profissional faz parte de uma equipe de uma empresa especializada nisso, composta por pessoas comprometidas.

Assim, o serviço tende a ser feito com eficiência e qualidade garantida pela empresa, deixando o morador mais tranquilo e seguro com o serviço prestado.

Conheça condomínios com serviço de pay per use

O conforto de morar em um condomínio com serviços pay per use já é uma realidade em diversas cidades do mundo e também no Brasil, desde residenciais luxuosos em lugares paradisíacos até empreendimentos com apartamentos compactos em importantes centros urbanos. 

Os serviços pay per use podem variar bastante de acordo com o perfil dos moradores e do condomínio, e vão desde praticidades para facilitar o dia a dia, até cuidados para se sentir de férias a qualquer dia da semana.

Fachada do Arcos Itaim.  Fonte: Apto
Fachada do Arcos Itaim. Fonte: Apto

Em São Paulo, por exemplo, existem vários condomínios com serviços pay per use, o Arcos Itaim é um deles. O empreendimento localizado em área nobre da cidade, com projeto de arquitetura assinado pelo escritório Aflalo Gasperini, conta com apartamentos de 152 m² em plantas flexíveis, que se adaptam de acordo com as necessidades e os desejos dos moradores, além de uma infraestrutura de lazer completa.

Piscina coberta do Arbo Alto de Pinheiros.
Piscina coberta do Arbo Alto de Pinheiros. Fonte: Apto

Já o Arbo Alto de Pinheiros, também em São Paulo, conta com um projeto criado ao detalhe para o bem-estar exclusivo dos moradores. As unidades vão de 180 m² a 396 m², e o condomínio conta com ambientes de lazer únicos, os quais, somados aos serviços pay per use disponíveis, possibilitam uma vida mais prazerosa e com mais tempo livre.

Piscinas do Latitud Condominium Design.
Piscinas do Latitud Condominium Design. Fonte: Apto

No Rio de Janeiro, o Latitud Condominium Design é um condomínio que parece um resort luxuoso. Em um terreno com mais de 12 mil m², o residencial conta com serviços de concierge, operação terceirizada profissional na academia, no bar da piscina e na central de facilidades pay per use com arrumação e limpeza das unidades, passadeira, assistência técnica para pequenos reparos e até pizzaiolo para comemorações especiais. Tudo para viver o conforto e o luxo diariamente.

Mais em Live

Ebook Busca e Aquisição de Imóvel: A Jornada

Quer comprar um imóvel e não sabe por onde começar? Separamos um conteúdo especial para te ajudar nessa jornada!

Quero baixar
Ícones do Art Déco.
Arquitetura
Estilos arquitetônicos: Art Déco

O Art Déco foi um estilo artístico de caráter decorativo que surgiu na França no século XX, durante o período entreguerras. Marcado pela sua visão de progresso e modernidade, o […]

Brinquedoteca
Mercado Imobiliário
Brinquedoteca: a importância deste espaço nos condomínios

Bebês e crianças são, muitas vezes, o motivo da mudança de apartamento de uma família, em busca de mais espaço e conforto. Por isso, espaços projetados para eles, como brinquedoteca […]

Você Apto
Achados no Apto: condomínios horizontais exclusivos em São Paulo

Morar em uma casa ampla ⏤ com pátio, área verde externa, sem deixar de lado a segurança, a boa localização e a infraestrutura de lazer ⏤ pode até soar uma […]

Qual é a melhor idade para comprar um imóvel?
Você Apto
Qual a melhor idade para comprar um imóvel?

Comprar um imóvel pode ser interessante em qualquer idade, desde que você se planeje bem. Está pensando em comprar um imóvel, mas não sabe se é o momento certo? Essa […]

Artista Tomie Ohtake sentada em primeiro plano. Ao fundo, suas obras compõem um cenário em tons de vermelho e azul.
Arquitetura
Tomie Ohtake – Biografia e obras

Tomie Ohtake foi uma artista plástica de extrema importância, afinal é dona de uma estética inconfundível que encanta e intriga. De origem japonesa, Tomie adotou o Brasil como a sua […]

Área de lazer na cobertura.
Você Apto
Achados no Apto: 14 empreendimentos com área de lazer na cobertura em São Paulo

A área de lazer, muitas vezes, é um ponto determinante na hora da compra de um novo imóvel. Esses espaços permitem uma maior valorização e dão mais segurança e conforto […]