Portaria virtual: o que é e como funciona este sistema de segurança

Você já imaginou chegar em casa com segurança, ter o portão aberto e alguém acompanhando você até a entrada no apartamento, sem ter ninguém fisicamente presente no local? Pode até parecer filme futurista, mas já é uma realidade possível através da portaria virtual!

Isso mesmo, a tecnologia está cada vez mais presente no nosso cotidiano, e a portaria virtual, ou portaria remota, é só mais um exemplo disso.

Conheça tudo sobre esse sistema que veio para ficar, possibilitando condomínios mais seguros e tranquilos.

O que é e como funciona uma portaria virtual?

A portaria virtual é um sistema que funciona de forma parecida a se houvesse um porteiro na cabine da portaria do edifício, com a diferença que não há ninguém em tal ambiente.

O controle do acesso do condomínio é realizado a distância, por uma central de monitoramento, que funciona 24 horas. 

Assim, através de câmeras instaladas em lugares estratégicos do condomínio, como acesso de pedestres e de veículos, a equipe de segurança consegue ter o controle das aberturas do edifício, além de entrar em contato com moradores e visitantes através do interfone.

Acesso de edifício com portaria virtual. Fonte: Blueprint
Acesso de edifício com portaria virtual. Fonte: Blueprint

Normalmente, os condôminos passam por um sistema de identificação, no qual são reconhecidos e logo permitidos de entrar e sair do condomínio. Já o acesso de visitantes é realizado pelo interfone, em contato com a central de segurança e o morador em questão. 

De acordo com uma matéria do Blueprint sobre a temática, no Brasil, cerca de 300 mil condomínios já utilizam o serviço da portaria virtual, e tal tendência deve crescer nos próximos anos, tanto no Brasil como no mundo. 

Vantagens de uma portaria virtual

A portaria virtual apresenta diversas vantagens, tanto para a segurança dos moradores e do edifício, quanto para o condomínio em si.

A vantagem principal deste sistema, que é o que faz muitos condomínios decidirem trocar a portaria presencial pela virtual, é o custo. A portaria remota tem um custo bem menor do que o modelo tradicional, o que pode resultar em uma redução do valor do condomínio de 40% a 50%. 

A portaria virtual também evita possíveis conflitos de relacionamento e desvio de função, afinal o porteiro não estará fisicamente no local. Ao contrário dessa incerteza, a portaria remota garante a presença de uma equipe especializada, 24 horas.

Além disso, terceirizar a segurança do condomínio evita que problemas trabalhistas que possam surgir terminem sob a responsabilidade dos condôminos. 

Com a portaria virtual, o edifício poderá contar com um sistema de câmeras em diversos pontos do local, aumentando, de maneira relevante, a segurança do condomínio. 

Desvantagens de uma portaria virtual 

Apesar de apresentar várias vantagens determinantes na hora da escolha do sistema de portaria do condomínio, a portaria virtual também demonstra aspectos não tão vantajosos assim.

A maior desvantagem da portaria virtual é depender 100% de energia e internet de qualidade para funcionar, afinal pode haver falhas de sinal ou quedas de energia, o que impossibilita o sistema de seguir funcionando. 

Outro ponto, por exemplo, é quando se trata de entregas e encomendas, já que não haverá ninguém fisicamente no condomínio para recebê-las. Para receber correspondências e encomendas, o morador deverá estar em casa.  

A passagem do presencial ou tradicional ao digital é um processo, que normalmente é facilmente aceito e compreendido pelas gerações mais novas, podendo se transformar, muitas vezes, em um impasse para os mais velhos. 

Por isso, é importante verificar com os condôminos se estão de acordo com o sistema de portaria virtual e, inclusive, realizar um treinamento dos moradores com os aparelhos, tendo em conta que poderá levar algum tempo para que todos estejam familiarizados com o sistema. 

Quanto custa uma portaria virtual?

Uma das vantagens de contar com a portaria virtual em um condomínio é a redução de custos, mas afinal, quanto custa uma portaria virtual?

Ainda que o preço possa variar de acordo com a cidade e o número de apartamentos do edifício, o valor mensal deste serviço resulta entre R$ 4.500 a R$ 7.000 mensais, incluindo o custo da instalação e implementação do sistema no condomínio. 

Portaria virtual, tendência no mercado imobiliário

A portaria virtual é uma tendência no mercado imobiliário, que proporciona maior segurança e poupa os condôminos de problemas. 

Cube Flórida conta com portaria remota. Fonte: Apto

Já existe uma série de novos empreendimentos que são entregues com a infraestrutura necessária para a instalação de uma portaria virtual. O condomínio ID Ibirapuera e os empreendimentos da Cube são alguns exemplos que podem aceder a essa tecnologia. 

No Cube Flórida, localizado no Brooklin, em São Paulo, por exemplo, o controle de acesso e monitoramento das câmeras do condomínio pode ser acessado pela empresa de segurança, como também pelos condôminos, através de um aplicativo. 

Para condomínios menores, como os horizontais, a portaria remota é a melhor opção, pois une segurança contínua e de qualidade à redução de custos de condomínio, que, ao ser um número pequeno de residências, resultaria em um valor muito mais elevado se fosse utilizado o método presencial.  

A tecnologia aliada ao conforto e à segurança dentro e fora de casa

A portaria virtual é mais um exemplo da tecnologia como aliada ao conforto e à segurança dentro e fora de casa. 

O meio digital já está totalmente integrado ao nosso cotidiano, através de smartphones, smartwatches, fones inteligentes, e tal característica só tende a expandir. 

Até mesmo as casas estão se tornando sistemas inteligentes, a automação residencial é uma tendência que veio para ficar e transformar a maneira que habitamos.

Mas, afinal, como será a casa do futuro

Mais em Live

Ebook Busca e Aquisição de Imóvel: A Jornada

Quer comprar um imóvel e não sabe por onde começar? Separamos um conteúdo especial para te ajudar nessa jornada!

Quero baixar
imagem de de capa com importantes autores e obras do movimento High-Tech, são eles: Renzo Piano, Richard Rogers, Norman Foster, Centro Pompidou, Edifício Lloyd's e a cobertura do Palácio de Reichstag.
Arquitetura
Estilos Arquitetônicos: High-Tech

High-Tech ou alta tecnologia foi uma corrente de pensamento na qual as inovações tecnológicas foram entendidas como potencial para facilitar o cotidiano, em diversos níveis. Assim, o movimento trouxe uma […]

Entenda como funciona o rodízio de veículos em São Paulo
Cidade-se
Entenda como funciona o rodízio de veículos em São Paulo

O rodízio de veículos em São Paulo, chamado Programa de Restrição ao Trânsito de Veículos Automotores no Município de São Paulo, é regulamentado pela Prefeitura Municipal de São Paulo (PMSP) […]

Decoração
Molduras de gesso: o que é, tipos, como utilizar e dicas

Em ambientes interiores, bons acabamentos são essenciais, afinal são estes que brindam os espaços com sofisticação, estilo e colaboram para uma maior e melhor vida útil dos materiais que compõem […]

Complexo Praça das Artes em São Paulo - SP
Arquitetura
Praça das Artes – Que prédio é esse

A Praça das Artes é um complexo cultural, localizado no centro de São Paulo, um local histórico e repleto de cultura e transformações. Assim como outros prédios antes abandonados e […]

Conheça 5 vantagens de investir em imóveis
Você Apto
Conheça 5 vantagens de investir em imóveis

Está pensando em investir em imóveis? Confira as principais vantagens desse setor e veja diferentes maneiras de investir! Investir em imóveis ainda é uma das maneiras mais utilizadas para obter […]

Você Apto
Condomínio-clube: saiba o que é e conheça as vantagens

O condomínio-clube é uma tendência que veio para ficar e está presente em diversas cidades do mundo e também pelo Brasil, afinal, viver com comodidade e infraestrutura é um privilégio […]