Como colocar papel de parede: conheça dicas essenciais!

Descubra como colocar papel de parede e conheça dicas essenciais!

O papel de parede é um revestimento que facilmente se torna parte da decoração de qualquer cômodo. Prático, bonito e estiloso, pode transformar os espaços e, além de tudo, é fácil de aplicar.

Caso você queira renovar a decoração de algum ambiente sem gastar muito, aprenda como colocar papel de parede e surpreenda-se com a praticidade de sua aplicação.

Vantagens de utilizar papel de parede

Papel de parede com detalhes geométricos em rosé gold, em uma sala de estar com sofá verde e almofadas rosa e azul marinho.
Papel de parede rosé gold para trazer um toque estiloso ao ambiente.

Investir em papéis de parede na decoração de casa, além de ser uma ótima opção estética, é também uma oportunidade para economizar e exercitar a criatividade. Veja só algumas das vantagens de utilizar esse material.

Versatilidade

Os papéis de parede podem ser utilizados em partes inteiras ou simplesmente em alguns pedaços das paredes. Não é necessário comprar grandes quantidades para compor paredes inteiras. Fica a seu critério como utilizá-los. 

Facilidade para aplicar

Por se tratar de um material simples e muito prático, o papel de parede possui uma aderência muito boa e, por isso, é fácil aplicá-lo nas paredes. Ou seja, você pode colocar o papel de parede no melhor estilo DIY, isto é, do it yourself (em português, faça você mesmo)! 

Por ser um material simples, não é necessário utilizar ferramentas barulhentas, como furadeiras ou lixas, em sua aplicação. Ou seja, se você mora com crianças ou idosos, a aplicação do papel de parede não será um problema, pois a execução não gerará barulhos ou um caos de desorganização.

Variedade

Uma das características mais bacanas do papel de parede é justamente poder inovar e expressar a criatividade de diversas maneiras, afinal, existe uma enorme variedade de estampas, texturas, estilos, cores e estéticas quando o assunto é papel de parede.

Baixo custo

Grande parte dos papéis de parede vendidos no mercado possuem um ótimo custo- benefício. O valor da metragem depende apenas da estampa escolhida. Assim, fica mais fácil comprar diferentes tipos para experimentá-los na decoração de casa.

Durabilidade

Grande parte dos arquitetos considera o papel de parede um revestimento muito duradouro, dependendo apenas da qualidade do papel escolhido. Por isso, vale a pena pesquisar e descobrir quais são os melhores tipos de papéis, para investir naqueles de maior qualidade e, consequentemente, durabilidade.

Materiais necessários para aplicar papel de parede

Papel de parede bege floral em uma sala com sofá, mesinha de centro e aparador.
Papel de parede bege floral: uma proposta delicada e muito bonita.

Para aplicar papel de parede, é essencial ter todos os materiais necessários. Para isso, tenha em mãos as medidas das paredes nas quais você pretende aplicar o papel.

Os materiais são facilmente encontrados em lojas de materiais de construção. São eles:

  • Papel de parede de sua escolha. Lembre-se de comprar um pouco a mais, além da metragem definida, para fazer possíveis ajustes necessários;
  • Cola para papel de parede;
  • Recipiente para diluir a cola;
  • Água para diluir a cola;
  • Rolinho e pincel de pintura para aplicar a cola;
  • Trena ou fita métrica;
  • Tesoura e estilete para realizar os ajustes;
  • Espátula para eliminar as bolhas de ar;
  • Pano e esponja para limpar o papel;
  • Escada para alcançar todos os cantos da parede.

Como colocar papel de parede

Estampa infantil de dinossauros em um quarto de criança.
Papel de parede infantil com estampa de dinossauros: uma linda opção para o quarto das crianças e você mesmo(a) pode instalar.

Agora que você já sabe quais são os materiais necessários para aplicar o papel de parede, é hora de colocar a mão na massa. Ou melhor: nos papéis!

Confira, a seguir, o passo a passo de como colocar papel de parede.

1. O primeiro passo é medir as paredes, com trena ou fita métrica, antes de comprar o papel. Essa etapa é extremamente importante para evitar gastos desnecessários, e até mesmo a falta de material para completar a parede.

Além disso, janelas e tomadas também devem ser marcadas. Os espelhos dos interruptores devem ser retirados antes da aplicação do papel. A marcação é muito importante, pois será necessário cortar o papel para, então, retomar a aplicação.

2. A seguir, limpe a superfície da parede com um pano úmido, para que ela esteja livre de sujeiras e imperfeições, e deixe-a secar naturalmente.

Outro ponto muito importante é a preparação do padrão do papel de parede. Isto é, se você escolheu um papel estampado, que possui uma padronagem específica, é essencial identificar como o desenho ficará na parede. Por isso, é importante abrir o rolo de papel, visualizar a padronagem completa da estampa, entender seu início e sua repetição. 

3. Agora, chegou o momento de cortar o papel. Nessa etapa, é essencial que as sobras sejam calculadas, portanto a dica é calcular sempre 10% a mais de papel além da medida da altura.

Então, para cortar as faixas, é necessário manter 10 cm de folga, com 5 cm superiores e 5 cm inferiores para os ajustes. Caso o papel seja estampado, faça isso seguindo a padronagem para não perder o sentido do desenho.

Enfim, com a tesoura e o estilete, corte as faixas que foram medidas e serão aplicadas na parede.

4. Prepare a mistura da cola com a água num recipiente. Você pode fazer essa etapa seguindo as instruções de uso da embalagem da cola. Entretanto, a mistura com a água é importante para potencializar a eficiência da cola.

5. Passe a cola no papel. Para não fazer sujeira, proteja o chão dos respingos, forrando-o. Então, com o rolinho e com o pincel de pintura, passe a cola no papel.

Depois de espalhar a cola, dobre a tira de papel, deixando cola com cola, ou seja, as partes internas com cola devem se tocar. Esse processo garante que a cola não seque. E não se preocupe: para que o papel não cole, basta deixar assim por, no máximo, 5 minutos.

6. A seguir, com uma escada, comece a aplicação de cima para baixo, isto é, comece do teto para o chão, encaixando os cantos e garantindo que há sobra de papel (lembra dos 10 cm?). Você pode utilizar um pano seco para auxiliar na colagem, sempre se certificando de que a colagem não está torta.

Ao encontrar as marcações das janelas e dos interruptores, com calma, corte-as imediatamente. Não deixe para fazer os recortes depois, já que não será possível retirá-las com a cola seca.

7. Livre-se das bolhas com a ajuda de um pano seco. Para isso, mantenha o movimento de cima para baixo e, com muito cuidado e delicadeza, vá alisando o papel sobre a parede.

8. Para eliminar as sobras de papel, com a ajuda da espátula, vá delimitando os cantos e, em seguida, com o estilete, vá cortando uniformemente as sobras de papel de parede, com muita calma.

9. Limpe as emendas com a ajuda de um pano úmido, no caso de papéis de parede tradicionais ou de papéis do tipo TNT. Caso seja um papel vinílico, utilize uma esponja seca para realizar a limpeza. Esse processo é importante para eliminar o excesso de cola dos cantos da parede.

Mas atenção: não esfregue o papel para não estragá-lo. Tire os excessos com calma e delicadeza.

10. Afaste-se, observe e aprecie sua obra de arte ao melhor estilo DIY!

Tipos de papel de parede

Papel de parede retrô nas cores verde e bege, em uma sala com sofá em tom neutro.
Papel de parede verde e bege retrô listrado: ótima ideia para combinar o ambiente com uma decoração vintage, por exemplo!

Existem diferentes tipos de estampas, texturas e cores de papéis de parede. Além disso, também existem diversos materiais diferentes que podem ser utilizados de acordo com a durabilidade e os ambientes selecionados para a aplicação de cada um.

Tradicional

Feito de celulose, o papel de parede tradicional é um pouco mais frágil do que os demais, pois é inteiramente feito de papel. Por isso, é importante que sua aplicação seja realizada em ambientes que não recebem muita umidade.

Vinílico

Feito de papel fabricado em PVC, é mais resistente à luz, à poeira e à umidade. Portanto, é o papel de parede mais indicado para ambientes úmidos, como banheiros. 

Fibra de vidro

O papel de parede feito de fibra de vidro é muito forte e reconhecido por proteger as paredes de maneira muito eficaz, já que é resistente ao fogo. Além disso, as fibras de vidro barram a umidade por meio das suas propriedades isolantes, impedindo que o mofo se prolifere nas paredes.

Entretanto, sua aplicação deve ser feita por um profissional, pois se trata de um material delicado, que precisa ser manuseado da maneira correta, evitando quebra e possíveis acidentes. Por causa da sua funcionalidade também é um material um pouco mais caro.

TNT

Parecido com tecido, o papel de parede de TNT, ou seja, papel tecido não tecido, é composto de fibras de poliéster e celulose, por isso é mais resistente. Dessa forma, é o mais indicado para ambientes secos e mais iluminados, para evitar que mofem.

Papel de parede de bambu

O papel de parede feito de bambu é natural, possui funções antissépticas (evita fungos e germes) e também é sustentável. Além disso, é bem resistente, porém é mais suscetível a ser modificado pelas condições de umidade do espaço, por isso não é aconselhável para ambientes úmidos ou pouco ventilados.

Papel de parede têxtil

O papel de parede têxtil é muito variado e pode ser feito de diferentes tipos de tecidos, como seda, ráfia, algodão, fios, linho, feltro ou penas. Por causa da sua composição, é mais resistente a manchas e possui um bom isolamento térmico, por isso é mais indicado para ambientes mais frios.

Papel de parede para cozinha

Papel de parede para cozinha em tons terrosos e detalhes em azul, combinando com outros elementos do ambiente.
Utilizar um papel de parede com cores da mesma paleta dos móveis compõe o ambiente de uma maneira interessante. Fonte: Pinterest

As cozinhas geralmente recebem mais umidade e resíduos por causa da manipulação dos alimentos. Por isso, é importante optar por papéis de parede que possuam maior resistência a esses agentes, como os papéis de parede de fibra de vidro e os vinílicos, por exemplo.

Papel de parede para sala de estar

A sala de estar é um ambiente que recebe mais elementos, móveis e uma decoração mais específica. Por isso, é interessante aplicar menos detalhes nas paredes para não “pesar” o espaço.

Estampa com textura de tijolinhos.
O papel de parede com textura fica muito bonito nesse ambiente.

Então, além da estética, é importante atentar-se à durabilidade e também prestar atenção ao material escolhido, afinal, o ideal é optar por um papel de parede que seja mais fácil de limpar, como o papel de parede tradicional, por exemplo.

Papel de parede para quarto

Papel de parede retrô, com padronagem de bolinhas pretas e fundo branco, para o quarto.
Para um estilo de decoração mais sutil e delicado, o papel de parede com padronagem retrô é uma ótima escolha. Fonte: Pinterest

O quarto é um espaço que costuma ser mais seco, por isso, a escolha por papéis de parede não é tão complexa nesse caso. Basta escolher pensando na estética, na durabilidade e no custo-benefício. Por isso, opte por uma opção que combine com o seu estilo e lhe agrade.

Papel de parede para banheiro

Estampa em tons bege, com decoração com detalhes em dourado, para o banheiro.
Os tons beges ficam lindos nesse ambiente. Fonte: Pinterest

Banheiros são ambientes extremamente úmidos, principalmente se você é fã de água quente. Por isso, papéis de parede menos resistentes à água são péssimas opções nesse caso. Então, evite o papel tradicional nesse tipo de ambiente.

Uma boa opção é o papel de parede vinílico, com estampas mais simples e cores mais vibrantes para destacar o espaço de maneira sutil.

Como limpar o papel de parede

Papel de parede floral, na cor rosa, em um ambiente mais minimalista com sofá marrom e duas mesinha de centro.
Papel de parede rosa floral, uma opção mais neutra.

Cada tipo de papel de parede, isto é, cada material necessita de um tipo de limpeza específico. Existem materiais que demandam aspirador de pó, outros necessitam de detergentes, por exemplo.

O papel de parede tradicional pode ser limpo com um simples pano úmido.

Por isso, ao escolher o papel de parede, é importante atentar-se ao tipo de limpeza que cada material demanda, afinal, para garantir a durabilidade, é preciso que ele receba a limpeza adequada. 

Deixe a criatividade fluir

Existe uma enorme variedade de possibilidades de decoração que podem ser criadas por meio de cores, estampas, texturas e estilos dos papéis de parede. Nesse processo, é muito importante que você se divirta, conecte-se com a sua casa e deixe sua criatividade fluir. Por isso, pesquise, inspire-se e aproveite!

Mais em Live

Ebook Busca e Aquisição de Imóvel: A Jornada

Quer comprar um imóvel e não sabe por onde começar? Separamos um conteúdo especial para te ajudar nessa jornada!

Quero baixar
Dentro de Casa
16 opções de plantas para cultivar dentro de casa

As plantas sempre dão um charme a mais na decoração e algumas são perfeitas para cultivar dentro de casa, pois se adéquam muito bem ao ambiente, transformando sua energia e […]

Continue lendo
Dentro de Casa
Cortina para banheiro: um item funcional e estiloso

A cortina para banheiro é um item muito funcional, indispensável para quem busca privacidade, praticidade e bom custo-benefício, podendo, até mesmo, ser um item estiloso que compõe a decoração do […]

Continue lendo
Dentro de Casa
Como adotar um cachorro: tudo o que você precisa saber sobre a adoção

A adoção é um ato de muito amor. Acolher um cachorrinho abandonado mudará tanto a vida dele quanto a sua; eles são inteligentes, companheiros, leais e vão te oferecer um […]

Continue lendo
Arquitetura
Yayoi Kusama - Biografia e obras

Yayoi Kusama é uma das artistas contemporâneas mais relevantes em escala mundial. Sua arte é vibrante e dinâmica, com obras em exposições mundo afora. A artista japonesa com mais de […]

Continue lendo
Dentro de Casa
Como mudar a senha do Wi-Fi

Depois de instalar seu roteador, viu a senha e achou muito complicada e quer mudar mais não sabe como? Ou quer mudar sua senha apenas por segurança e não sabe […]

Continue lendo
Dentro de Casa
Como limpar micro-ondas: dicas e métodos mais utilizados

O micro-ondas é um eletrodoméstico indispensável na maioria das cozinhas; prático, ajuda a facilitar o dia a dia na hora de esquentar ou descongelar alimentos e pode servir até mesmo […]

Continue lendo