Como aplicar texturas em paredes

Nos dias atuais, paredes texturizadas, encontram-se em alta, principalmente neste momento que estamos vivenciando, onde ficar em casa tem sido primordial, as pessoas vem buscando deixar seus ambientes ainda mais aconchegantes.

A aplicação de texturas nas paredes, é a solução ideal para esta situação, pois além de sua estética cativante, as texturas são capazes de integrar os diversos tipos de estilos arquitetônicos, desde que esteja em harmonia com o restante da decoração.

Com sua fácil execução e baixo custo benefício, passou a ser a técnica mais procurada quando o objetivo é dar uma repaginada no lar. Agora que você já sabe por onde começar a mudar o visual dos seus ambientes, que tal conhecer um pouco mais sobre os tipos de texturas antes de pôr a mão na massa?

Sala de estar com parede com textura.
Fonte: Tua Casa

Principais tipos de texturas de paredes

As texturas são responsáveis por causarem efeitos de ranhuras em superfícies e proporcionarem diferentes tipos de sensações. São consideradas fáceis de serem aplicadas e na maioria das vezes, necessitam apenas de uma de mão, o que faz com que consequentemente, tenham um bom rendimento.

Textura de parede – efeito chapisco: Este método é o preferido quando o assunto é fachadas e áreas onde contenham jardins, no entanto, isso não quer dizer que não possa ser utilizado em ambientes internos, muito pelo contrário. Para alcançar o efeito desejado, o ideal é utilizar massas finas granuladas e rolos de pinturas texturizados que podem ser encontrados em diversos padrões.

Parede com textura.
Fonte: Francisco Rugeroni – Pinterest

Textura de parede – efeito gel decorativo: O segredo deste efeito, encontra-se em um gel que é capaz de simular variados tipos de texturas, como por exemplo: aço escovado, jeans, palha e até mesmo madeira. Para a reprodução fiel deste efeito, é de extrema importância, aplicá-lo utilizando um rolo específico para o mesmo.

Sala com decoração texturizada.
Fonte: Suvinil

Textura de parede – efeito grafiato: O efeito grafiato, ultimamente vem sendo o mais procurado e passou a ser o ‘’queridinho’’ daqueles que amam o universo da decoração. Ele reproduz a sensação de ranhuras com o auxílio de espátulas. Além disto, é o ideal para a utilização de revestimentos texturizados com grânulos de quartzo e cristais minerais.

Textura - efeito grafiato.
Fonte: Casa e construção

Textura de parede – de efeito ranhurado: Para alcançar o resultado desejado, a opção correta para a execução, é o uso de espátulas de plástico dentadas, que são capazes de reproduzir ranhuras como ondas ou lisas, na parede escolhida.

Parede com textura.
Fonte: Casa e Festa

Textura de parede – efeito espatulado: Este efeito pode ser reproduzido, por a utilização de uma desempenadeira de aço com abas e é indicado para paredes lisas ou granuladas. O segredo desta técnica trata-se do movimento uniforme da mão, que resulta em uma aparência harmônica.

Parede texturizada.
Fonte: Pinterest

Como aplicar texturas nas paredes

São tantas as técnicas e opções, que acaba sendo uma tarefa difícil escolher a preferida não é mesmo?! Mas apesar de causarem sensações distintas, todas possuem um passo a passo comum. Para que tudo saia conforme o planejado, confira as orientações a seguir.

Passo 1 – Prepare o ambiente: Antes de mais nada, é essencial proteger tudo aquilo que não deve receber textura. Forre seu piso com jornais, papelão, plásticos etc. Proteja portas, janelas, rodapés, gessos, tomadas, com fitas e afaste ou retire os móveis do ambiente. Assim, estará evitando que a massa alcance pontos indesejáveis.

Organização.
Fonte: Bigstock

Passo 2 – Prepare a parede: Antes de aplicar o material na parede escolhida, você deve analisar a mesma. Retire todos os objetos que possam conter nela, lixe e repare as partes que estejam irregulares e/ou soltando massa, para que você possa obter o melhor acabamento possível. Feito isso, agora basta limpar a área onde a textura será aplicada, antes de seguir para o próximo passo.

Preparação da parede.
Fonte: Idea Brasil

Passo 3 – Aplicação: Chegou um dos momentos mais esperados, após nivelar a parede e deixá-la limpa, é a hora de começar a aplicação. O ideal é aplicar a massa de textura na parede, com o auxílio de uma desempenadeira de aço.

Massa de textura de parede.
Fonte: Istoc

Passo 4 – Realize a técnica escolhida: Este é o momento de reproduzir a técnica escolhida. Para que tudo saia como planejado, o ideal é utilizar espátulas e rolos que sejam específicos para a textura escolhida. Esta etapa, é a mais importante e exige muita paciência e cuidado, pois para que a textura chegue ao resultado desejado, é importante que tenha uma aparência harmônica.

Texturização da parede.
Fonte: Blog das Cores

Passo 5 – Espere a secagem: Não tenha pressa! Para as técnicas de texturas darem certo, é essencial obedecer o tempo de secagem, para garantir que nada possa estragar a ranhura reproduzida. Por conta disso, é recomendado que os móveis que ficarão próximos às paredes que receberam a textura, sejam realocados cerca de 24 horas após a aplicação.

Textura de parede.
Fonte: Gisele Emery

É possível criar texturas com massa corrida?

Se você deseja um resultado com efeitos diferenciados e tem dúvidas se realmente é possível criar texturas com massa corrida, a resposta é sim! Inovar nunca é demais, a massa corrida permite que sejam criados efeitos da forma que usuário desejar e o passo a passo é bem parecido com as técnicas comuns.Para se obter um bom resultado, tudo depende da execução. Confira a seguir como aplicar texturas com massa corrida.

Passo 1- Com a parede já preparada, aplique a massa corrida na superfície de sua escolha e lixe-a até que ela se encontre completamente lisa.

Passo 2- Com a superfície ainda molhada, comece a reproduzir o efeito que desejar (reto, ondulado, cruzado etc.) com o rolo de espuma sobre a massa corrida em toda parede,

Passo 3- A próxima etapa, é deixar a massa corrida secar totalmente e finalizar com uma pintura de tinta acrílica na cor que desejar.

Em quais ambientes deve-se utilizar texturas?

As texturas, assim como diversos revestimentos, não possui uma regra ou até mesmo restrições. Desde que seja escolhida com cautela e esteja em harmonia com o restante do projeto, pode ser utilizada em fachadas e em qualquer ambiente interno que desejar. É sempre importante lembrar, que o equilíbrio é o melhor caminho para o sucesso!

Agora que você já conheceu alguns tipos de texturas, sabe o passo a passo para a aplicação e já está ciente de que não há restrições em relação aos ambientes, ficou bem mais fácil deixar seu lar ainda mais aconchegante. Escolha sua técnica preferida e ‘’mãos a massa’’.

Mais em Live

Ebook Busca e Aquisição de Imóvel: A Jornada

Quer comprar um imóvel e não sabe por onde começar? Separamos um conteúdo especial para te ajudar nessa jornada!

Quero baixar
Soluções financeiras para a compra do imóvel
Você Apto
Soluções financeiras para a compra do imóvel

Você chegou naquele momento da vida em que o sonho da casa própria está tomando forma e mais do que nunca palpável. Só que apesar de querer, você ainda tem […]

Você Apto
8 dicas para fazer a mudança de casa mais simples

Depois do período procurando a casa perfeita e ter encontrado o espaço ideal para viver, é hora de fazer a mudança!  Sabemos que esse processo pode se transformar em um […]

pedras para jardim
Decoração
Pedras para jardim: conheça os tipos e saiba como utilizar

O jardim é um lugar da casa que pode dar espaço a diversas atividades ⏤ relaxamento, cafés da manhã tranquilos, brincadeiras, reuniões de família e amigos, horta e por aí […]

Arquitetura
Espelho d'água: o que é, como utilizar e espaços para inspirar

A casa é o nosso refúgio, sendo essencial, portanto, que ela tenha uma atmosfera tranquila e prazerosa. Para alcançar isso, existem diversos recursos arquitetônicos e decorativos, e o espelho d’água […]

Mercado Imobiliário
Portaria virtual: o que é e como funciona este sistema de segurança

Você já imaginou chegar em casa com segurança, ter o portão aberto e alguém acompanhando você até a entrada no apartamento, sem ter ninguém fisicamente presente no local? Pode até […]

riserva golf
Mercado Imobiliário
Riserva Golf: viver com exclusividade no Rio

Um Rio de Janeiro diferente, com uma sucessão de vistas inimagináveis. Tranquilo, calmo, com o som do mar e a brisa da praia ao fundo. O Riserva Golf é viver […]