Para ganhar espaço e ver o mundo – Quando a janela rouba a cena

A janela!

Pode ser um item corriqueiro, muitas vezes despercebido, mas já inspirou milhares de canções (você vai se lembrar de alguma). Se observadas do ponto de vista poético, as janelas são os nossos olhos para o mundo, o que nos conecta com a realidade exterior. Na prática, elas exercem uma função vital: fornecer luz e ventilação.

Quando os arquitetos e designers decidem explorar o máximo potencial desses elementos, as janelas viram a grande atração do projeto. Veja algumas vezes em que isso aconteceu.

Mais uma função

Aldana Ferrer, arquiteta e designer industrial, criou um conceito de janelas para melhorar a iluminação, ampliar a vista e ganhar espaço em ambientes pequenos.

O modelo “Hopper Niche” se assemelha a uma sanfona que se expande para fora. A estrutura é forte o suficiente para suportar uma pessoa sentada ou apoiada e quando aberta, torna-se um pequeno espaço para descanso e contemplação.

Com a mesma função, o modelo “Casement Niche” funciona como uma pequena porta giratória, em que se pode sentar e girar para fora.

A profissional também desenhou o “Awning Niche”.O modelo é muito parecido com o popular maxim-ar, mas possui um apoio na parte inferior, permitindo que o usuário se apoie e tenha uma visão ampliada da área externa.

Toda a luz que puder ter

Quando se encontra a luz certa na direção certa, a janela merece ser um pouquinho maior. Pensando bem…. Porque não a parede inteira?

Se o espaço nas paredes é limitado, o vão luz precisa achar o seu lugar. 

Mais comum em países frios onde o telhado inclinado se faz necessário, as janelas na cobertura são uma saída para a iluminação e podem proporcionar uma bela vista para as estrelas.

Em alguns casos, a janela pode até tornar-se uma pequena varanda.

Bonito de ver

Em um bom projeto de arquitetura a janela não se torna algo a ser disfarçado ou resolvido com artifícios de decoração. Pelo contrário, ela favorece e muitas vezes se torna o próprio elemento decorativo.

Janela para estar

Essa solução pouco utilizada no Brasil cria um pequeno espaço de estar junto à janela para descansar e aproveitar a vista.

A alma do prédio

Quando valorizadas e integradas ao conceito, as janelas podem se tornar a alma do projeto. Cores, dimensões e profundidades ditam o ritmo e a personalidade da fachada do prédio.

Mais em Live

Arquitetura
Você sabe o que é Retrofit?

Apesar de bastante recorrente no mercado imobiliário e na construção civil, o termo retrofit ainda gera muita confusão. Seria retrofit uma reforma? A restauração de um edifício? Conheça o que […]

Continue lendo
Arquitetura
Edifício Pátio Victor Malzoni - QUE PRÉDIO É ESSE?

Quem passa pela Faria Lima, em São Paulo, e vê o imponente Edifício Pátio Victor Malzoni com seu vão livre de mais de 40 metros de largura a 30 metros […]

Continue lendo
Arquitetura
Edifício Gazeta - QUE PRÉDIO É ESSE?

Figurinha carimbada nos marcos da capital paulistana. Quem nunca passou pelo Edifício Gazeta quando está dando aquela voltinha pela Paulista e se perguntou: que prédio é esse? Você conhece a […]

Continue lendo
Arquitetura
ONGs que criam moradias e condições para viver melhor

Nós do Live temos o lema “More bem, viva melhor”, mas e as pessoas que sequer possuem onde morar? O Brasil tem 15 milhões de pessoas vivendo em situação de […]

Continue lendo
Arquitetura
Para ganhar espaço e ver o mundo - Quando a janela rouba a cena

A janela! Pode ser um item corriqueiro, muitas vezes despercebido, mas já inspirou milhares de canções (você vai se lembrar de alguma). Se observadas do ponto de vista poético, as […]

Continue lendo
Arquitetura
Loft, studio, kitnet… O que caracteriza cada tipo de apartamento?

O mundo do mercado imobiliário pode ser um pouco confuso para quem está começando a busca por um imóvel. Muitos termos utilizados com frequência não ficam muito claros para quem […]

Continue lendo