O guia definitivo dos condomínios residenciais sustentáveis, de acordo com a Certificação AQUA

O que torna um condomínio residencial sustentável? Listamos para vocês, tudo que é auditado antes do empreendimento receber a Certificação AQUA

Na semana passada, nós mostramos que a Certificação AQUA é a sustentabilidade levada a sério no mercado imobiliário, porque ela tem um processo bem definido e rígido, avaliado por auditores independentes.

Dentro das 4 categorias para o condomínio receber a Certificação AQUA, existem 14 itens, tais como Relação do edifício com o entorno, Gestão da água e Conforto higrotérmico.

Como estes itens podem soar um pouco vagos, vamos explicar caso a caso, o que exatamente é avaliado pelo auditores. Afinal, quando o Processo AQUA diz que a Gestão da Água de um condomínio é excelente, o que de fato foi avaliado?

Vamos explicar tudo agora e você estará um pouco mais apto para comprar seu próximo apartamento.

Na prática, o que é avaliado em um empreendimento?

Certificação AQUA - EcoConstrucao

EcoConstrução – Relação do edifício com o seu entorno

Neste quesito são avaliados itens para minimizar os impactos que os edifícios geram na sociedade, no meio ambiente e na região onde o empreendimento é construído.

  • Sombreamento causado pelo edifício nos vizinhos
  • Drenagem adequada da água de chuva
  • Dimensão das calçadas
  • Preservação dos ecossistemas e da biodiversidade local
  • Escolha de espécies vegetais bem adaptadas ao clima e ao terreno
  • Acesso à infraestrutura urbana
  • Levantamentos referentes ao conforto olfativo e sonoro do entorno
  • Respeito à regulação relacionada à acessibilidade e à funcionalidade dos espaços externos

EcoConstrução – Canteiro de obras com baixo impacto ambiental

Cuidados com o canteiro de obras para minimizar os impactos causados ao ambiente e à comunidade vizinha.

  • Melhor organização de entregas e retiradas do canteiro em relação a itinerários, horários etc
  • Manutenção da limpeza do entorno do canteiro
  • Planejamento e programação das atividades ruidosas
  • Utilização de produtos com menor impacto ambiental
  • Diminuição e descarte correto de resíduos
  • Diminuição com gastos de energia e água

EcoConstrução – Escolha integrada de produtos, sistemas e processos construtivos

Envolve a utilização de materiais que causem menor impacto socioambiental e garantam o direito do morador à acessibilidade e à segurança.

  • Escolha de sistemas e processos construtivos que garantam a durabilidade da construção
  • Escolha de produtos e fornecedores que contribuam para:
    • Diminuição da emissão de gases de efeito estufa
    • Diminuição de resíduos dispostos no meio ambiente
    • Aumento do uso de recursos renováveis e escolhas que evitam o esgotamento dos recursos naturais
  • Uso de madeira com certificação de origem
  • Escolha de fabricantes e produtos que não pratiquem informalidade na cadeia produtiva
  • Espaços melhores e mais bem planejados nas cozinhas, respeitando dimensões mínimas de bancadas e circulação
  • Uso de materiais mais duráveis, evitando gastos com reformas

Certificação AQUA - Ecogestão

EcoGestão – Gestão de energia

Um empreendimento mais sustentável e econômico desde a concepção arquitetônica, passando pela escolha de sistemas e por produtos mais eficazes.

  • Mais ventilação e iluminação natural
  • Uso de energia solar para aquecimento da água
  • Adoção de equipamentos com etiquetagem energéticas do Inmetro
  • Adoção de iluminação automática ativada por sensores nas áreas comuns dos edifícios que não são de permanência prolongada
  • Escolha de lâmpadas eficazes com baixo consumo energético

EcoGestão – Gestão de água

A redução do consumo de água potável ou o aproveitamento da água da chuva são exigências que além de afetar diretamente o bolso do consumidor, contribuem para uma das questões mais importantes da preservação do meio ambiente.

  • Adoção de sistemas mais econômicos como bacia sanitário de duplo acionamento e redutores de vazão nas torneiras
  • Gestão de águas pluviais com caixas de retenção para favorecer o descarte gradual da água na rede pública
  • Sistemas de aproveitamento da água da chuva coletada de telhados e coberturas para usos não potáveis, como irrigação e limpeza de pisos.
  • Especificação de plantas nativas que necessitam de menos irrigação
  • Diminuição de áreas impermeabilizadas

EcoGestão – Gestão de resíduos de uso e operação do edifício

A gestão adequada de resíduos é um desafio não só para as grandes cidades, como São Paulo, mas para os pequenos núcleos também, como um condomínio residencial. Prever o armazenamento e o planejamento das coletas é fundamental desde o início dos projetos.

  • Planejamento da geração de resíduos pelos apartamentos e sua destinação
  • Medidas arquitetônicas para facilitar a triagem e o armazenamento
  • Incentivar e promover a reciclagem e a coleta seletiva
  • Adequação entre a coleta interna e a coleta externa

EcoGestão – Manutenção e desempenho

A tranquilidade dos futuros moradores de um condomínio residencial depende também da manutenção facilitada das áreas técnicas do edifício, tubulações e registros, garantindo o bom funcionamento das instalações e evitando desperdícios.

  • Previsão para medidores individualizados de água fria nos apartamentos
  • Registros independentes para as tubulações dos diversos ambientes dos apartamentos
  • Facilidade de acesso aos equipamentos técnicos, facilitando as atividades de manutenção

Certificação AQUA - Conforto

Conforto – Conforto higrotérmico

Para que o edifício favoreça níveis agradáveis de temperatura e umidade, esta preocupação deve balizar o projeto desde a sua concepção. A orientação do edifício, o posicionamento e as dimensões das janelas, além do bom uso de iluminação e ventilação naturais, colaboram muito para que o conforto do morador seja mantido.

  • Proteção solar das aberturas, evitando excesso de luz e calor
  • Estudo aerodinâmico do térreo do edifício para o conforto do pedestre
  • Respeito aos níveis adequados de ganho solar através de paredes e esquadrias
  • Temperaturas internas sempre preservadas de condições externas menos agradáveis, nem muito altas no verão, nem muito baixas durante o inverno

Conforto – Conforto visual

Vivenciar os espaços do com total segurança sem deixar de desfrutar ao máximo a luz natural no interior dos apartamentos nem de manter contato visual com o exterior.

  • Índice de abertura das esquadrias aos diferentes cômodos dos apartamentos
  • Estudo para manutenção dos níveis de iluminação adequados nos espaços internos
  • Sensores e temporizadores em áreas comuns para o uso racional de iluminação artificial

Conforto – Conforto acústico

Evitar a transmissão de ruídos, seja do exterior ou entre cômodos de um apartamento, é uma medida fundamental para se preservar a tranquilidade dos usuários. Paredes e pisos que diminuam a influência sonora entre espaços colaboram neste quesito.

  • Estudo para a atenuação da transmissão de ruídos de impacto sobre pisos, entre apartamentos e áreas comuns
  • Diminuição da passagem de ruídos através das paredes entre diferentes ambientes
  • Medidas arquitetônicas para garantir o conforto acústico frente a ruídos externos

Conforto – Conforto olfativo

As fontes de odor devem ser adequadamente localizadas e ventiladas, evitando cheiro incômodo no edifício.

  • Ventilação permanente assegurada em cozinhas
  • Locais de armazenamento de resíduos em localização adequada
  • Direcionamento de gases do sistema de esgoto sanitário para fora das áreas de utilização.

Certificação AQUA - Saúde

Saúde – Qualidade sanitária dos ambientes

Deve ser dada atenção especial às condições de higiene do edifício, viabilizando a limpeza adequada.

  • Revestimentos de limpeza facilitada nas proximidades de aparelhos sanitários
  • Previsão de espaços de apoio que facilitem as atividades de limpeza do condomínio

Saúde – Qualidade sanitária do ar

Zelar pela qualidade do ar, mantendo-o sempre livre de substâncias indesejadas.

  • Adequação de ambientes que usam gás combustível
  • Uso de tintas à base de água, menos agressivas
  • Revestimentos sem substâncias nocivas na composição

Saúde – Qualidade sanitária da água

A água que chega aos apartamentos do edifício deve ter máxima qualidade assegurada e monitorada, garantindo ao morador tranquilidade no uso.

  • Previsão de limpeza das tubulações após a execução
  • Análise da qualidade da água que circula nas instalações
  • Tubulação protegida contra insetos, animais e acesso de pessoas não autorizadas
  • Aproveitamento de águas pluviais com tubulação separada e identificada
  • Coleta de águas pluviais onde não exista circulação de pessoas, veículos e animais.

Conclusão

Para o comprador de imóveis, se você também se importa com sustentabilidade, após ler este artigo, vemos 2 possibilidades que você pode aplicar hoje mesmo:

  • Como a lista é imensa, faça o seu TOP 5 itens mais importantes. Assim, antes de comprar seu próximo apto, você pergunta para o corretor se esses itens importantes para você foram previstos pela construtora / incorporadora.
  • Compre somente aptos com Certificação AQUA, assim você tem certeza de que toda essa lista foi prevista.

Mais em Live

Arquitetura
Edifício Pátio Victor Malzoni - QUE PRÉDIO É ESSE?

Quem passa pela Faria Lima, em São Paulo, e vê o imponente Edifício Pátio Victor Malzoni com seu vão livre de mais de 40 metros de largura a 30 metros […]

Continue lendo
Arquitetura
Edifício Gazeta - QUE PRÉDIO É ESSE?

Figurinha carimbada nos marcos da capital paulistana. Quem nunca passou pelo Edifício Gazeta quando está dando aquela voltinha pela Paulista e se perguntou: que prédio é esse? Você conhece a […]

Continue lendo
Arquitetura
ONGs que criam moradias e condições para viver melhor

Nós do Live temos o lema “More bem, viva melhor”, mas e as pessoas que sequer possuem onde morar? O Brasil tem 15 milhões de pessoas vivendo em situação de […]

Continue lendo
Arquitetura
Para ganhar espaço e ver o mundo - Quando a janela rouba a cena

A janela! Pode ser um item corriqueiro, muitas vezes despercebido, mas já inspirou milhares de canções (você vai se lembrar de alguma). Se observadas do ponto de vista poético, as […]

Continue lendo
Arquitetura
Loft, studio, kitnet… O que caracteriza cada tipo de apartamento?

O mundo do mercado imobiliário pode ser um pouco confuso para quem está começando a busca por um imóvel. Muitos termos utilizados com frequência não ficam muito claros para quem […]

Continue lendo
Arquitetura
Ohtake Cultural - QUE PRÉDIO É ESSE?

Em 2001 a cidade de São Paulo ganhou um ícone inconfundível. Até hoje, as cores e formas do Ohtake Cultural instigam e despertam a curiosidade transeuntes. É possível que você […]

Continue lendo