Neuroarquitetura – Como o ambiente impacta nosso humor e comportamento

Avanços científicos comprovam, características físicas do ambiente em que estamos despertam sensações e influenciam nosso comportamento. Saiba um pouco mais sobre essa área de estudo e como aplicar esse conhecimento à decoração da sua casa.

Escritórios do Google em Moscou, exemplo de neuroarquitetura corporativa. Fonte: Tecmundo.

A neurociência é a ciência que se dedica ao estudo, análise e observação do sistema nervoso, ou seja, o comportamento do nosso cérebro. Somado à arquitetura, a neuroarquitetura propõe-se a desvendar os efeitos do ambiente (percepção espacial, luz, cores, temperatura…) no cérebro e consequentemente no comportamento humano.

Não é difícil nos lembrarmos de sensações despertadas pelo ambiente em que estávamos. Quem nunca se sentiu desconfortável e apreensivo diante da luz forte e fria de uma cadeira de dentista, ou pequeno diante do majestoso e imponente altar de uma igreja?

Segundo Sarah Williams Goldhagens, autora do livro Welcome to Your World: How the Built Environment Shapes Our Lives, essas sensações são apenas a ponta do iceberg, pois em torno de 90% das cognições são inconscientes, ou seja, os ambientes transformam nosso humor e comportamento sem que percebamos.

É comum observarmos restaurantes e lojas que, conscientes do poder de influência do ambiente em nossas decisões, utilizam técnicas a fim de atrair o público desejado e encorajar o consumo.

Esse conhecimento, porém, pode ser aplicado à diversos outros campos a fim de melhorar a qualidade de vida das pessoas.

A construção de um ambiente acolhedor que gere a sensação de segurança e bem estar pode auxiliar na recuperação de pacientes em uma clínica, por exemplo. O ambiente escolar também pode promover a criatividade, concentração e socialização através de elementos físicos e visuais.

Um lugar para criar e produzir

O crescimento meteórico de empresas de tecnologia e startups, revelando o triunfo do novo, do disruptivo sobre o tradicional, tornou a aplicação da neuroarquitetura em ambientes corporativos mais notória. Hoje, os famosos escritórios do Google e Facebook são modelos para quem acredita que ambientes mais amigáveis produzem funcionários mais felizes, produtivos e colaborativos.

Considerando que o trabalho é, por vezes, onde os funcionários passam a maior parte do dia, é inteligente criar um ambiente em que se queira estar, com escapes para o stress e a fadiga, encorajando a socialização e a criatividade.

Escritório do Google em Tel Aviv.
Escritório do Google em Tel Aviv. Fonte: Tecmundo.
Escritório do Google em Zurique.
Escritório do Google em Zurique. Fonte: Tecmundo.

Neuroarquitetura na escala urbana

“A vida urbana pode mudar a biologia cerebral em algumas pessoas”

Andreas Meyer-Lindenberg, da Universidade de Heidelberg

Pouco se fala sobre as influências do projeto urbano no comportamento humano, mas importantes estudos na área revelam como a cidade e suas proporções impactam nossa saúde física e mental.

Em 2017, a Conscious Cities Conference, em Londres, reuniu profissionais engajados em desvendar e monitorar como estruturas urbanas, como os edifícios, arranha-céus e espaços vazios, afetam psicologicamente os cidadãos, seus estados mentais e humor.

Estruturas urbanas influenciam nosso estado de espírito.
Estruturas urbanas influenciam nosso estado de espirito. Fonte: Helvio Romero.

Colin Ellard, pesquisador na Universidade de Waterloo, no Canadá, observou que as pessoas são fortemente afetadas pelas fachadas dos edifícios. Aceleram o passo diante de uma fachada monótona como se estivessem fugindo daquela zona morta, mas se sentem estimuladas e engajadas diante de fachadas complexas e interessantes.

Provando que a proximidade com a natureza pode alterar quimicamente e biologicamente o nosso organismo, um estudo realizado com a população da Inglaterra em 2008 constatou que a vulnerabilidade e o risco de doenças circulatórias entre a população mais pobre é menor em áreas mais verdes.

Vancouver é considerada frequentemente uma das melhores cidades para se viver.
Vancouver, frequentemente considerada uma das melhores cidades para se viver, possui uma política de construção e desenvolvimento voltada para áreas verdes e valorização da natureza. Crédito:Alamy Foto de Stock.

Neuroarquitetura aplicada à decoração da sua casa

Mesmo sem ser arquiteto, com alguns conhecimentos básicos é possível aplicar os princípios da neuroarquitetura à sua decoração. Anote as dicas a seguir para criar um ambiente aconchegante e familiar que transmita sensação de segurança e acolhimento na sua casa.

Decoração afetiva, objetos pessoais criam um clima de pertencimento.
Decoração afetiva: invista em elementos carregados de significados.

Personalização: Objetos que contam a sua história – objetos de família, fotos, lembranças de viagem – despertam o sentimento de familiaridade e pertencimento.

Estimule os sentidos: A visão não é a única via sensorial a ser explorada. Aromas e texturas também são ferramentas que enriquecem o ambiente.

Tato e olfato: estímulos sensoriais enriquecem a experiência de estar em casa.
Tato e olfato: Estímulos sensoriais enriquecem a experiência de estar em casa.

Cores: As cores estimulam nosso cérebro de diferentes formas, por isso são parte fundamental na decoração. Tons terrosos funcionam bem na criação de ambiente aconchegantes e acolhedores.

Iluminação: Fuja da luz fria se deseja um criar uma atmosfera de descanso de relaxamento. A luz quente é ideal para dormitórios e salas de estar. De dia, a luz natural traz conforto além de dos benefícios a saúde.

Conforto acústico: Barulhos e ruídos também são estímulos que impactam nosso humor, por isso o conforto acústico da nossa casa não deve ser ignorado.

Vegetação e luz natural trazem um pouco de natureza para dentro de casa.
Vegetação e luz natural trazem um pouco de natureza para dentro de casa.

Elementos naturais: Contato com a natureza gera bem estar e nos impacta positivamente. Vale investir em plantas para ambientes internos ou revestimentos naturais como pedra e madeira.

Organização: Estar em um ambiente limpo e organizado pode ajudar a tranquilizar e organizar os pensamentos também. Confira aqui algumas dicas para pôr a casa em ordem hoje mesmo.

Para aprender mais:

Welcome to Your World: How the Built Environment Shapes Our Lives, da autora Sarah Williams Goldhagens.

Happy City: Transforming Our Lives Through Urban Design, do autor Charles Montgomery.

Mais em Live

Ebook Busca e Aquisição de Imóvel: A Jornada

Quer comprar um imóvel e não sabe por onde começar? Separamos um conteúdo especial para te ajudar nessa jornada!

Quero baixar
Campos do Jordão
Cidade-se
O que fazer em Campos do Jordão

O conhecido destino invernal Campos do Jordão, na Serra da Mantiqueira, é o lugar ideal para aquela escapada de final de semana, ou até mesmo para passar as férias. A […]

Continue lendo
MASP
Arquitetura
José Carlos de Figueiredo Ferraz – Biografia e obras

Natural de Campinas, interior de São Paulo, José Carlos de Figueiredo Ferraz foi um conceituado engenheiro, formado em 1940 pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP). Depois de […]

Continue lendo
Você Apto
Habite-se: o que é, como funciona e como tirar esse documento

Adquirir ou reformar um imóvel são atividades complexas. Muitas vezes, elas envolvem detalhes que os proprietários não conhecem ou não sabem como acompanhar. É o caso do habite-se, por exemplo. […]

Continue lendo
Dentro de Casa
Como alegrar sua casa durante a quarentena

Apesar da reabertura de comércio em algumas cidades, eventos culturais, shows e festas foram cancelados. A orientação é permanecer em casa. Porém, depois de tantos dias, esse ambiente pode começar […]

Continue lendo
Você Apto
Portabilidade do financiamento imobiliário

A taxa Selic está em seu menor nível histórico, o que reflete nos juros do financiamento imobiliário e pode significar um ótimo momento para realizar a portabilidade do financiamento e […]

Continue lendo
Arquitetura
Casa do futuro – Como será?

O mundo atual está cada vez mais conectado e integrado. A tecnologia é a nossa maior aliada para ajudar em todas as questões da vida, estando presente em nossas atividades […]

Continue lendo