Conheça o apartamento de Tommy Hilfiger que está a venda por US$ 80 milhões

Apartamento de Tommy Hilfiger está a venda por US$ 80 milhões, o equivalente a R$ 240 milhões. Achou caro? Antes era US$ 75 milhões.

Esse camisa polo que você talvez esteja vestindo agora ajudou (só um pouco) o Tommy Hilfiger a comprar e decorar esse apartamento duplex, com 12 dormitórios, de frente para o Central Park, em Nova York.

O apartamento está localizado na cobertura duplex do Plaza Hotel, na 5ª Avenida, de frente para o Central Park, mais exatamente no 18º e 19ª andares. Para quem gosta de cinema, é o mesmo hotel onde foi filmado O Grande Gatsby, com Leonardo DiCaprio.

A imobiliária que ficou encarregada da venda, classificou o apartamento como “glamour de épocas passadas, com conveniências do século 21”.

Ao ver as fotos, essa descrição fica bem clara, devido à decoração com mobiliário clássico combinada diversos quadros pop art, da coleção pessoal de Tommy Hilfiger.

Inicialmente o apartamento, ainda inacabado, foi colocado a venda em 2008 por US$ 50 milhões, bem no meio da crise dos EUA. Não vendeu, então a imobiliária decidiu finalizar o apto com um acabamento impecável, para vendê-lo a US$ 80 milhões.

Ainda assim não vendeu, então reduziram o preço para US$ 75 milhões, pensando que o problema era preço. Bom, passou um tempo, as propostas não vinham e perceberam que ele é de fato um apartamento magnífico, só não estava sendo bem apresentado.

Agora refizeram a decoração por completo e publicaram as fotos espetaculares que você vê abaixo. Ah, e o preço voltou para US$ 80, mas conhecendo o histórico, recomendamos que você tente negociar. 😉

A cobertura duplex, com vista panorâmica

Bem vindo à cobertura duplex, no Plaza Hotel, em NY.

Decoração com muitos quadros pop art, inclusive com peças originais de Andy Warhol.

Cozinha retrô, estilo anos 50.

Uma brinquedoteca com uso das cores tradicionais da marca Tommy.

O hall de entrada. Se for para esperar algo, que seja com estilo.

Um quarto que está na imaginação de toda menina.

Já esse, é bem mais masculino.

Sala de almoço com um pé-direito imenso, aproveitando espaço do duplex superior.

Sala de jantar com paredes revestidas a ouro.

Pop art casado com clássico.

Biblioteca revestida de madeira com letreiro original do prédio do The New York Times.

Sala de estar com lareira, luzes de neon azuis e vista para o Central Park.

A suíte master, com uma paleta de cores bem neutra, mantendo o suntuoso luxo.

Banheiro da suíte master. Parece mesmo um banheiro de hotel luxuoso, afinal, esse é o Plaza Hotel.

Pode ir fazendo o cheque.

Veja a apresentação do apto, pelo próprio Tommy Hilfiger.

Mais em Live

Arquitetura
Copacabana Palace – Que prédio é esse?

Inaugurado em 13 agosto de 1923, o icônico Hotel Copacabana Palace foi construído entre 1919 e 1923, por Octávio Guinle e Francisco Castro Silva. O pedido da construção do prédio […]

Continue lendo
Arquitetura
O que é apartamento penthouse?

Penthouse é um apartamento localizado na cobertura de um prédio, que possui área externa, terraço, e normalmente é ocupado por itens de lazer, como área gourmet, piscina, deck, entre outros. […]

Continue lendo
Arquitetura
O que é apartamento tipo Studio?

Apartamento compacto que gira em torno de 30m², o suficiente para atender as necessidades de quem busca praticidade e boa localização.  Se o studio fosse uma pessoa, seria aquele seu […]

Continue lendo
Arquitetura
O que é loft?

Apartamento caracterizado por amplo pé-direito (muitas vezes suficiente para um mezanino), ausência de divisões entre os ambientes e abundante entrada de luz natural. Às vezes, revestimentos rústicos e instalações aparentes […]

Continue lendo
Arquitetura
Casa passiva – até 90% de economia energética

Casa passiva, ou passivhaus, no alemão, onde o termo foi cunhado, é um modelo arquitetônico que entra na essência do projeto para promover uma maior eficiência energética na manutenção da […]

Continue lendo
Arquitetura
Edifício Andraus – QUE PRÉDIO É ESSE?

O Edifício Andraus nasceu em 1962, no distrito da República, centro de São Paulo. A princípio, seu nome seria “Edifício 50”, mas a nomenclatura acabou mudando, em homenagem ao seu […]

Continue lendo