Casa geminada: entenda o que é e como funciona

Quem nunca viu uma casa geminada enquanto passava na rua, não é mesmo? Elas são muito comuns e chamam muita atenção por serem casas iguais. Porém, a maioria das pessoas ainda tem dúvidas de como elas funcionam e quais são as vantagens e as desvantagens de morar em casas geminadas.

Pensando nisso, desenvolvemos esta matéria para tirar todas as dúvidas mais frequentes sobre esse tipo de construção. Confira!

O que é uma casa geminada?

Esse é um termo muito comum, mas ainda assim muitas pessoas não sabem o significado da palavra ou, até mesmo, confundem-na com o termo “germinada”. Primeiramente, vamos diferenciar os termos: “germinada” vem do verbo germinar, que significa crescer, desenvolver. 

Já o termo “casa geminada” significa que duas casas dividem uma mesma parede de geminação, portanto, elas dividem a mesma estrutura, alvenaria, telhado e parede, podendo ou não ter o mesmo modelo de divisão interna, porém não é uma regra.

Duas casas geminadas.
Duas casas geminadas. Fonte: Pinterest

A casa geminada também pode ser chamada de casa conjugada, termo dado pela construção de duas ou mais casas ligadas umas às outras as quais dividem o mesmo lote de modo proporcional e sua divisão acontece de acordo com a quantidade de construções.

É muito fácil passar na rua e ver esse estilo de casa, isso porque elas são muito comuns, visto que, tanto sua construção quanto seu aluguel e venda, são mais em conta do que as outras formas de construção de casa.

Surgimento das casas geminadas e suas mudanças

Assim que as casas geminadas surgiram, a ideia era que elas fossem uma ótima oportunidade para que os investidores criassem mais casas dentro do mesmo terreno, proporcionando um maior número de imóveis para alugar.

Casas geminadas antigas eram utilizadas para que os investidores tivessem mais casas dentro de um mesmo terreno, possuindo mais imóveis para alugar.
Casas geminadas antigas eram utilizadas para que os investidores tivessem mais casas dentro de um mesmo terreno, possuindo mais imóveis para alugar. Fonte: Pinterest

Porém, ao longo do tempo, os projetos mais simples começaram a sair do mercado, tanto que, atualmente, é mais fácil encontrar casas geminadas em condomínios e com um padrão bem mais elevado de construção, muito diferente da proposta inicial.

No Brasil, a construção de casas geminadas cresceu muito, assim como a busca por casas como essas. Uma análise feita no ano de 2020 diz que a procura aumentou 30% se comparada ao ano anterior.

Isso porque a planta das casas geminadas possibilita a ampliação delas, o que as tornou um case de sucesso, e a procura vem crescendo mais a cada ano.

Se eu quiser construir uma casa geminada, preciso de aprovação?

Sim, toda construção precisa passar por uma aprovação. Então, antes de começar o projeto da sua casa, primeiramente, confira o zoneamento da área, pois ali você terá as informações do que pode ou não fazer naquele determinado lugar.

Você pode encontrar o mapa de zoneamento da sua cidade, normalmente no site da prefeitura de cada localidade. Se mora em São Paulo, pode ter acesso ao mapa de zoneamento diretamente no GeoSampa

Essa aprovação é necessária para que haja um padrão seguro de construção nessas áreas; e, caso você não confira a área de zoneamento, corre muito risco de seu projeto não ser aprovado pela prefeitura, com impedimento de prosseguir com a construção.

Como funciona a planta de casas geminadas?

Aqui, o primeiro ponto a ser enfatizado é que as plantas devem ser feitas por um profissional arquiteto ou engenheiro, os quais são habilitados a realizar projetos de todas as categorias de edificações.

Planta baixa sendo o espelho da outra.
Exemplo de planta baixa para casa geminada, onde uma planta é o espelho da outra. Fonte: Pinterest

Visto isso, as plantas de casas geminadas podem ser feitas de diversas formas ⏤ ela pode ser tanto uma casa térrea ou sobrado, e para elaborar a planta das casas, é necessário pensar no estilo de vida dos moradores que irão morar lá. 

Caso as casas geminadas já tenham seus futuros moradores, é interessante que eles participem da confecção do projeto para juntos ajudarem os profissionais a definir as características das casas. 

Lembrando que é muito importante considerar o tamanho do terreno onde as casas serão construídas e os recuos necessários previstos pelo Plano Diretor.

Vantagens e desvantagens

Assim como tudo, as casas geminadas também possuem vantagens e desvantagens. Então, caso você esteja pensando em se mudar para uma casa geminada, confira os pontos a seguir.

Vantagens

A primeira vantagem das casas geminadas é o fato de elas terem um preço mais acessível quando comparado a outros tipos de construção; elas têm um preço mais baixo sem prejudicar sua qualidade e sem ter uma localização ruim.

O preço dela é mais baixo apenas pelo fato de que elas compartilham o mesmo lote, e é esse compartilhamento que gera uma economia maior para o consumidor. Além disso, elas dividem a mesma rede elétrica e as mesmas tubulações, fazendo com que o custo da obra também seja reduzido.

Casas geminadas compartilham um mesmo lote, fazendo com que o seu preço fique abaixo das demais construções.
Casas geminadas compartilham um mesmo lote, fazendo com que o seu preço fique abaixo das demais construções. Fonte: Pinterest

E como elas possuem a mesma estrutura, a manutenção delas também será igual, portanto tais custos podem ser divididos igualmente entre os moradores. 

Outra vantagem muito bacana é a convivência com os vizinhos, pois, querendo ou não, ela acaba sendo inevitável e é possível desenvolver uma amizade entre vizinhos, em que quando um precisar o outro ajuda.

Desvantagens

Um dos pontos negativos das casas geminadas é a questão da iluminação solar, visto que elas ficam grudadas e, consequentemente, algumas partes da casa podem não receber luz solar, que, além de deixar a casa mais fria, pode acarretar problemas de infiltração.

E da mesma forma que prejudica a entrada de luz natural, também prejudica a ventilação natural, justamente pelo mesmo motivo.

Como as casas geminadas ficam grudadas umas nas outras, há a dificuldade de entrar iluminação e ventilação natural nas residências.
Como as casas geminadas ficam grudadas umas nas outras, há a dificuldade de entrar iluminação e ventilação natural nas residências. Fonte: Pinterest

Uma das desvantagens que mais preocupa as pessoas é a questão dos ruídos, pois, a não ser que as casas sejam projetadas pensando anteriormente em um isolamento acústico, a parede de geminação acaba deixando escapar alguns ruídos da casa ao lado.

Outro ponto é que as casas geminadas não podem ter suas fachadas alteradas, pois elas precisam ter uma padronização, ainda mais quando falamos de um condomínio de casas geminadas. Todos os moradores devem concordar com as mudanças propostas, pois todos terão que realizar as mesmas alterações.

Isso também acaba deixando as casas sem personalidade, pois terão outras casas exatamente iguais à sua. Uma opção é apostar no paisagismo para garantir mais personalidade à sua casa.

Condomínio de casas geminadas: entenda como funciona

Este é um condomínio fechado de casas, onde elas dividem o terreno e compartilham a mesma parede, conforme o conceito de casas geminadas que falamos anteriormente. 

A maior dúvida das pessoas sobre condomínio de casas geminadas é em relação ao funcionamento do condomínio e as peculiaridades existentes. 

De acordo com o Código Civil, não há nenhuma distinção entre condomínios horizontais e verticais ou de casas geminadas e normais. Os direitos e os deveres dos condomínios são os mesmos, assim como as atribuições concedidas ao síndico e à assembleia geral. 

Condomínios sempre estabelecem um padrão de casas que não pode ser modificado e respeitam o Código Civil.
Condomínios de casas geminadas sempre estabelecem um padrão de casas que não pode ser modificado e respeitam o Código Civil. Fonte: Pinterest

As casas geminadas que ficam dentro de um condomínio devem respeitar o Código Civil e não alterar a forma e a cor da fachada, pois todas elas devem ser iguais.

Nesse caso, o único ponto que é possível discutir em assembleia diz respeito às alterações que visam à proteção dos moradores e da propriedade.

Agora, se as casas do condomínio possuírem jardins em sua frente, é entendido que eles fazem parte das áreas comuns dos condomínios e, portanto, podem ser alterados, desde que essas alterações não afetem o uso do condomínio dos demais condôminos.

Porém, caso o jardim seja privativo, as alterações podem ser feitas da forma que o proprietário desejar, sem ter que seguir nenhuma questão do condomínio.

Por outro lado, caso o desejo do condômino proprietário da casa seja colocar uma floreira sobre suas janelas, isso pode se tornar uma questão a ser discutida em uma assembleia, pois elas podem ser vistas como uma modificação estática.

Para facilitar o entendimento, tudo que foge das normas preestabelecidas pelo condomínio e que possa gerar algum conflito deve ser discutido em uma assembleia com todos os condôminos, incluindo o síndico.

Seguro obrigatório para condomínio

Essa é uma das dúvidas mais comuns entre as pessoas que possuem interesse em comprar uma casa geminada em condomínio: “Será que precisa de seguro?”. 

A resposta é sim. De acordo com o Código Civil, obrigatoriamente todas as edificações necessitam de um seguro contra o risco de incêndio, ou destruição total ou parcial.

Portanto, os condomínios de casas geminadas também precisam ter seguro, pois é obrigatório.

Ficou interessado neste estilo de casas geminadas e está pensando em procurar o condomínio perfeito para ser o seu novo lar? Confira essa matéria sobre condomínios horizontais exclusivos em São Paulo, que irá te ajudar muito nessa escolha tão importante.

Mais em Live

Ebook Busca e Aquisição de Imóvel: A Jornada

Quer comprar um imóvel e não sabe por onde começar? Separamos um conteúdo especial para te ajudar nessa jornada!

Quero baixar
Mercado Imobiliário
Em parceria com Gafisa, Tonino Lamborghini chega a São Paulo com empreendimento de luxo nos Jardins

Para além da proposta de luxo e exclusividade, a parceria leva a São Paulo um empreendimento com uma história nascida décadas atrás na Bolonha, Itália, da paixão de um homem […]

Dentro de Casa
Confira dicas de como adestrar cachorro

Adestrar um cachorro pode ser uma preocupação para “pais e mães” de pets, porém, com ele, o cachorro aprende alguns truques que podem facilitar e muito as tarefas do dia […]

Sacada envidraçada com ótimo recebimento de luz natural.
Dentro de Casa
Envidraçamento de sacada: benefícios e cuidados na instalação

O envidraçamento de sacada é uma medida que oferece comodidade para a sua família, afinal possibilita integrar varandas e terraços ao interior da sua residência.  Além de proporcionar ganhos espaciais […]

Você Apto
Casa geminada: entenda o que é e como funciona

Quem nunca viu uma casa geminada enquanto passava na rua, não é mesmo? Elas são muito comuns e chamam muita atenção por serem casas iguais. Porém, a maioria das pessoas […]

5 dicas para compra do imóvel sem sair do orçamento
Você Apto
5 dicas para compra do imóvel sem sair do orçamento

Está querendo comprar seu imóvel, mas quer evitar dívidas e problemas com o orçamento? Neste conteúdo, nós listamos as principais dicas para você fazer isso. Vale a pena ter atenção […]

Dentro de Casa
Exaustor: confira o que é e como implementá-lo em sua cozinha

O exaustor é a opção perfeita para te ajudar na cozinha, afinal quem nunca fez uma comida e o ambiente ficou com cheiro de fumaça ou até de fritura, não […]