9 dicas da especialista em organização, Marie Kondo

Marie Kondo é uma organizadora profissional, autora do best seller A Mágica da Arrumação, e estrela da série, do Netflix, Ordem em casa com Marie Kondo.

Marie criou um modo único e inovador, o método KonMari que tem ajudado diversas pessoas, ao redor do mundo, a organizar sua casa.

Existem cantinhos da bagunça em sua casa que você gostaria de arrumar?

Avalanche Tupperware GIF - Find & Share on GIPHY

Separamos para você as 9 melhores dicas de Marie Kondo para deixar o seu lar como nos seu sonhos.

1. Visualizar

O primeiro passo para deixar a sua casa do jeitinho que você quer, é justamente saber o jeito que você quer que ela fique.

Por isso tire uns minutinhos para visualizar e definir os seus objetivos.

2. Arrumar por categoria e não por cômodo.

Uma característica única do método KonMari é a ordem pela qual você deve organizar as coisas.

E, diferente do comum, essa ordem é dividida em categorias, ao invés de cômodos.

Essa é uma forma mais livre de decidir em que local determinado item deve ser guardado, pois ele não possui um cômodo pré-determinado.

As categorias são:

  • Roupas
  • Livros
  • Papéis e documentos*
  • Komono (pequenos objetos, itens variados)
  • Itens sentimentais

*Na categoria dos papéis, Marie Kondo diz para os dividirmos em duas categorias, aqueles que temos que guardar para sempre e aqueles sobre os quais temos que tomar alguma ação.

3. Empilhe tudo

Isso mesmo, em cada etapa, tire tudo do lugar e coloque em uma grande pilha no meio da sala.

Juntar o que temos em uma pilha serve para nos dar uma perspectiva de tudo que acumulamos.

Além disso, é importante tirar tudo do lugar para que possamos escolher um lugar certo para cada coisa.

4. Desapegar

Essa é uma das partes mais importantes, mas também uma das mais difíceis.

Mas quando você se depara com a pilha das coisas que você possui, você deve se questionar: Eu realmente preciso disso tudo?

O truque aqui é, não escolha as coisas que você quer se livrar, escolha as coisas que você quer manter.

Marie Kondo é conhecida por sua filosofia de manter apenas as coisas que nos trazem alegria.

Por isso, para decidir se deve manter algo, pegue um item nas mão e observe que sentimentos ele lhe causa.

Se um item não lhe traz alegria, é hora de se livrar dele.

Agradeça e se despeça.

5. Livros não são sagrados

Esse é um ponto polêmico, muitos consideram um sacrilégio se livrar de livros.

Mas vamos ser sinceros, você precisa de todos os livros que tem?

Aposto que grande parte deles nunca vão ser relidos, vão ficar nas prateleiras apenas ocupando espaço e acumulando poeira.

Talvez eles pudessem estar sendo melhor aproveitados nas mãos de outra pessoa. Doe.

6. Guarde as coisas de modo visível

Storage Organization GIF by The Container Store - Find & Share on GIPHY

Invista em caixas transparentes para armazenar suas coisas, assim fica muito mais fácil ver onde as coisas estão.

Outro ponto muito importante, tente guardar as coisas da maneira mais vertical possível, isso facilita muito a visualização.

Folding Marie Kondo GIF - Find & Share on GIPHY

Principalmente roupas, quem nunca foi pegar uma roupa que estava no final da pilha de roupas e acabou bagunçando a pilha inteira?

Guardar as roupas uma em cima da outra não é a melhor maneira, tente organizá-las uma do lado da outra.

Pattern Wood GIF - Find & Share on GIPHY

7. Guarde em lugar acessível o que usa muito

Essa é uma dica bem óbvia, mas que faz toda a diferença.

Vamos tomar os armários da cozinha como exemplos.

Guarde os pratos e copos que você utiliza no dia a dia nas prateleiras de baixo, onde o acesso é mais fácil.

E nas prateleiras lá de cima, aquelas que são difíceis de alcançar, guarde as coisas que você usa só de vez em quando, como aquele conjunto de fondue, ou as louças de natal.

8. Uma casa para cada item

Sabe aquela coisa que não tem um lugar fixo?

Que cada hora você guarda em um local, mas que geralmente fica jogado pela casa?

Isso acabou.

É vital que você decida um local para guardar cada coisa que você tem.

Esse é o foco da organização, colocar as coisas em seu lugar. Mas para isso elas precisam ter um lugar, não é mesmo?

9. Manter

Agora você empilhou tudo que tem, decidiu o que queria manter, escolheu os lugares para guardar e sua casa está toda arrumada.

Que sensação ótima, não é mesmo?

Mas dois dias depois…e o caos voltou, tudo fora do lugar novamente.

Marie Kondo acredita que devemos organizar a casa apenas uma vez e depois apenas mantê-la arrumada.

Agora que cada coisa tem o seu lugar você só precisa criar o hábito de devolver elas para o seu lugar, para a sua casa.

Tirou do lugar, devolve para o lugar.

No início pode parecer difícil, mas depois que isso se tornar um hábito, vai ficar mais fácil do que você imagina.

Uma dica da Marie Kondo para quem tem crianças é, inclua elas na rotina de arrumação.

Para as crianças tudo pode ser divertido, é uma maneira de você se conectar com elas e ainda lhes ensinar disciplina.

Mais em Live

Arquitetura
ONGs que criam moradias e condições para viver melhor

Nós do Live temos o lema “More bem, viva melhor”, mas e as pessoas que sequer possuem onde morar? O Brasil tem 15 milhões de pessoas vivendo em situação de […]

Continue lendo
Arquitetura
Para ganhar espaço e ver o mundo - Quando a janela rouba a cena

A janela! Pode ser um item corriqueiro, muitas vezes despercebido, mas já inspirou milhares de canções (você vai se lembrar de alguma). Se observadas do ponto de vista poético, as […]

Continue lendo
Arquitetura
Loft, studio, kitnet… O que caracteriza cada tipo de apartamento?

O mundo do mercado imobiliário pode ser um pouco confuso para quem está começando a busca por um imóvel. Muitos termos utilizados com frequência não ficam muito claros para quem […]

Continue lendo
Arquitetura
Ohtake Cultural - QUE PRÉDIO É ESSE?

Em 2001 a cidade de São Paulo ganhou um ícone inconfundível. Até hoje, as cores e formas do Ohtake Cultural instigam e despertam a curiosidade transeuntes. É possível que você […]

Continue lendo
Arquitetura
Desvende de uma vez por todas a certificação LEED

Talvez você já tenha lido ou ouvido esse nome em algum lugar. Você sabe que é uma coisa boa, porque é relacionado a sustentabilidade, mas não entende direito quem concede […]

Continue lendo
Arquitetura
Desmistificado: Fachadas de vidro em residenciais

O uso do vidro na arquitetura é uma prática bem antiga. No Renascimento, quando era um material caríssimo, ele foi usado na construção de residências para mostrar poder e status […]

Continue lendo